Publicado em 12/12/2013 ás 04h46 atualizado em 12/12/2013 ás 05h12

Cuide da sua Autoestima

-
Creditos: Jornal NovoNegocião

 

Reconheça seu valor, combata os pensamentos negativos sobre si mesma e seja mais feliz

 

O maior desafio do indivíduo que luta hoje pelo seu sustento é se permitir e garantir o próprio prazer de viver. Na verdade vivemos uma corrida contra o relógio e na maioria das vezes não nos sobra muito tempo nem mesmo para nós. A forma como nos vemos pode influenciar no modo como vivemos nossas vidas e a batalhas diárias acabam influenciando nossa autoestima.

Autoestima é a capacidade que temos de sentir a vida estando de bem com ela. É ter confiança em nosso modo de pensar e enfrentar os problemas e o direito de ser feliz. Para ter uma boa autoestima precisamos ter a sensação de que somos merecedores de nossas necessidades, desejos e desfrutar os resultados de nossos esforços. É o valor que damos a nós mesmos, que nos faz sentir amados e aceitos pelos outros.

Pessoas com problemas na autoestima tendem a sentir que ninguém gosta delas, que não são aceitas pelos outros e que não conseguem fazer nada direito e isto interfere diretamente em nossa capacidade de lidar com a vida e de sermos felizes.

Desde a infância buscamos sempre a aprovação dos outros, mas às vezes é grande a nossa dificuldade para sentir essa aprovação. Se os pais criticam muito os erros de uma criança em vez de elogiar seus acertos, sua autoestima vai ficando fraca. Isso também acontece na vida adulta. Em um namoro ou casamento, quando um dos parceiros assume essa postura crítica em relação ao outro, pode rebaixar sua autoestima. Um chefe muito crítico acaba por comprometer a autoestima de seus colaboradores. Assim, a forma como você se vê pode ser prejudicada quando alguém, cuja aceitação é importante, sempre lhe coloca para baixo.

No fundo, cada um de nós tem uma imagem ideal que gostaria de ser, dentro de sua própria escala de valores. Quando conseguimos enxergar em nós mesmos as qualidades que admiramos, temos uma autoestima elevada. Já quando não enxergamos em nós essas qualidades, não conseguimos ter uma boa autoestima. Mas isso não significa que não tenhamos essas qualidades, muitas vezes temos, mas não conseguimos enxergar.

Problemas com a autoestima podem levar à depressão e também podem levar uma pessoa a desvalorização de seu potencial, a tolerar relacionamentos ruins.

Atualmente o mercado de trabalho e a sociedade de uma forma geral exigem padrões difíceis de atingir, não respeitam as limitações de cada um nem suas qualidades. Somos constantemente bombardeados por mensagens afirmando que devemos ser jovens, bonitos, elegantes, com um corpo esbelto, forte, bem-sucedidos profissionalmente, ter muito dinheiro para gastar, uma boa casa, móveis modernos, uma tv enorme e um carro novo na garagem. Além disso, ainda é necessário ter um excelente casamento, um casal de filhos perfeitos e matriculá-los nas melhores escolas, para garantir que tenham um futuro brilhante. Esse é o modelo ideal que inspira a maioria das pessoas. Mas quando não conseguem tudo, sentem-se frustrados, em vez de valorizar as conquistas parciais.

No mundo feminino, um item que tem gerado muita insatisfação é a questão da aparência, devido à cobrança por um padrão de beleza impossível de se adquirir. Os meios de comunicação invadem nossas vidas com imagens de mulheres jovens, lindas e perfeitas, sempre muito bem produzidas, mas muito longe de nossas realidades, o que faz com que a maior parte das mulheres sinta-se feia e inadequada. A ideia é criar padrões de beleza cada vez mais distantes da realidade, para que as pessoas consumam cada vez mais. 

É sempre possível melhorar a autoestima. Não se muda do dia para a noite, mas não adianta esperar que o mundo mude para nos sentirmos bem. Ao assumir a responsabilidade, podemos buscar objetivos realistas, ver cada sucesso como um passo na direção certa, viver um dia de cada vez. Também é fundamental identificar os pontos fortes, nossas qualidades, reconhecer e respeitar nossas limitações. Valorizar mais o que trazemos em nosso interior. Há coisas que podemos tentar mudar, mas há outras que simplesmente precisamos aprender a aceitar como são.

Para melhorar nossa autoestima precisamos diminuir nossas expectativas de perfeição. A nota da felicidade está mais próxima de 7 do que de 10. Devemos combater os pensamentos negativos e autodestrutivos. Em vez de olhar somente os erros e defeitos, mude o foco para os acertos e qualidades positivas.

Reconhecer seus limites é imprescindível. Se perceber que está infeliz com algo que pode mudar, então comece hoje. Se é algo que você não pode mudar, apenas aceite. Será um problema a menos em sua vida. Aprenda com os erros e aceite que errar faz parte do processo de aprendizagem.

Busque sempre coisas novas para fazer. A descoberta de novos talentos fará com que se orgulhe de suas novas habilidades. Ajude outras pessoas sempre que possível. Sentir-se útil faz muito bem à autoestima.

Cuide de sua aparência, mas sem exageros. Procure exercitar-se em uma atividade física de que goste. Isso ajudará a fazer as pazes com seu corpo.

Tenha orgulho de suas opiniões e ideias e não tenha medo de expressá-las, mesmo que nem todos concordem. Passe seu tempo livre com as pessoas que você ama e fazendo as coisas de que você gosta. Faça um esforço para tornar a vida prazerosa e satisfatória. Buscar amigos ajuda muito. A maioria das pessoas está interessada em fazer novas amizades, tome a iniciativa e não espere que os outros venham até você.

Sorria, seja gentil com os outros, peça apoio, fale sobre você, seja sincera. Isso ajudará a atrair as pessoas que realmente gostam de você. Lembre-se que independente de sua aparência externa, você foi criado a imagem e semelhança de um Deus... e isso faz toda a diferença!

 

  • MICRO-ONDAS

    R$ 100
  • JOSEFINA

    R$ 160.000
  • TOYOTA 15

    R$ 66.500
  • ***DEPILAÇÃO/ DESIGNER SOBRANCELHA

    Sob consulta
  • FIESTA 05

    R$ 16.800
  • PALIO 11

    R$ 15.500
  • VILLE DE FRANCE

    R$ 110.000
  • B. ESPERANÇA II

    R$ 400 + IPTU
  • COELHOS

    R$ 40 cada
  • LAGO AZUL

    R$ 780.000

Renovação de anúncios classificados gratuitos.

Até quarta-feira às 18:00h.

Fechamento de edição para novos classificados.

Até quarta-feira às 12:00h.

Fone (14) 3324-1600

R. Antônio Carlos Mori, 504 - Centro,
Ourinhos - SP, 19900-081