Publicado em 11/07/2017 ás 11h39

A revolução será feminista: e a louça?

De antemão digo: não creio que a revolução será só feminista; creio que teremos uma profunda revolução humana que será, também, feminista
Creditos: Alexandre Mansinho

Alexandre Mansinho

Era só uma pichação em um muro de uma casa aqui em Ourinhos: a “terra de um povo de coração de ouro”. Era só um vandalismo – dois vandalismos, na verdade – um diálogo de vandalismos. Mas, por fim, parece que, no fundo, não era só isso.

Minha saudosa mãezinha me ensinou que a louça era daqueles que a haviam sujado – isso porque minha mãe trabalhava fora e não podia deixar que os homens da casa a vissem como uma empregada doméstica – e assim foi: aprendi a limpar a casa, cozinhar e, por que não, lavar louça.

Hoje, no entanto, parece que vivemos uma revitalizada guerra dos sexos – há quem reclame do protagonismo feminino e há quem nem se importe com isso. Há quem proteste, alegando que isso vai destruir a família e os princípios morais... porém, pergunto eu: quais são esses princípios morais que se querem tanto preservar?

De antemão digo: não creio que a revolução será só feminista; creio que teremos uma profunda revolução humana que será, também, feminista.

E, por fim, creio que a louça, assim como a revolução, será de todos: “porque não sou sua empregada”, como diria mamãe.

  • CENTRO

    R$ 700
  • FOX 15

    R$ 40.800
  • BEBÊ CONFORTO

    R$ 80
  • CALOPSITAS

    R$ 100
  • STOS DUMONT

    R$ 450
  • TOYOTA 12

    R$ 45.000
  • BERNARDINO CAMPOS

    R$ 180.000
  • TRITURADOR

    R$ 1.100
  • VILLE DE FRANCE

    R$ 130.000
  • VISTA ALEGRE

    R$ 145.000

Renovação de anúncios classificados gratuitos.

Até quarta-feira às 18:00h.

Fechamento de edição para novos classificados.

Até quarta-feira às 12:00h.

Fone (14) 3324-1600

R. Antônio Carlos Mori, 504 - Centro,
Ourinhos - SP, 19900-081