Publicado em 29/09/2018 ás 06h08

Várias ocorrências de furtos, roubos e tentativas de roubos marcam o mês de setembro

Polícia levanta hipótese de quadrilhas especializadas estarem agindo na cidade
Creditos: Arquivo Jornal Negocião

Letícia Azevedo

O mês de setembro foi marcado por várias ocorrências relacionadas a furto e roubo ao comércio ourinhense. Os comerciantes contabilizam prejuízos e demonstram grande insatisfação, pois em alguns casos os suspeitos acabam rapidamente de volta às ruas. 

Dois furtos a lojas de eletroeletrônicos em Ourinhos despertaram a atenção da polícia civil que estuda a hipótese de se tratar de uma quadrilha especializada em roubos de grandes centros, pois nos dois casos, os meliantes adentraram os locais pelos fundos, e para evitar o disparo de dispositivos de segurança, usaram roupas térmicas, além de outros equipamentos não muito comuns. 

A Polícia Civil de Ourinhos, por meio da Delegacia de Investigações Gerais (DIG), sob o comando do Dr. João Beffa, investiga os crimes, que ocorreram com intervalo de menos de 20 dias. No momento a DIG prefere não divulgar quaisquer informações para não atropelar as investigações, que estão em andamento desde o dia sete de setembro, data do primeiro furto. O outro caso, ocorreu no último domingo, 23. A Polícia acredita que os crimes não foram cometidos por pessoas comuns e sim por pessoas envolvidas somente nesse tipo de crime.

Na madrugada do domingo, 16, uma loja de materiais de construção da Avenida Jacinto Sá, próximo ao viaduto, também foi invadida, sendo furtados vários equipamentos entre eles, ferramentas, um aparelho celular, R$ 400,00 reais que estava no caixa e o cofre de doações para o hospital do câncer.

Já entre segunda-feira, 24, e terça-feira, 25, mais duas ocorrências foram registradas, uma delas em uma loja de confecção situada na Rua Rio Janeiro, que teve a porta de blindex estourada, tendo o ladrão furtado várias peças de roupas e a outra em uma joalheria no Calçadão.

A loja de confecções foi roubada por Ivanio Tafarel Vieira Marques, de 29 anos, que acabou sendo reconhecido e preso com a ajuda das câmeras de segurança do local. O acusado, que já foi preso, usava objetos da marca da loja que foram furtados na data do crime, e foi reconhecido também pelas várias tatuagens que tinha nos dois braços, que ficaram claras nas imagens das câmeras.

Segundo o proprietário da loja, o meliante foi solto após audiência de custódia e responderá pelo crime em liberdade. 

Já a joalheria foi roubada por volta das 9h45 da manhã, por indivíduo armado, que causou grande pânico na equipe que trabalha no local. O indivíduo entrou na loja e pediu para ver um produto, logo depois anunciando assalto, subtraindo do local algumas joias, semijoias e alguns mostruários de aliança, todos em aço, prata e semijoia.

Apesar do prejuízo material ninguém ficou ferido. O caso está sendo investigado, infelizmente as câmeras de segurança não estavam filmando, e as imagens apresentadas pela equipe de monitoramento, feitas através de câmeras instaladas no calçadão, não mostram com nitidez o rosto do ladrão, mas têm ajudado bastante nas investigações.

Sistema de Monitoramento - A cidade conta com sistema de monitoramento constante, instalado no último andar do Edifício JJ Carvalho, no centro da cidade, porém apenas prédios públicos contam com esse monitoramento, assim como escolas, postos de saúde e outras repartições públicas, que são observados através de um sistema de câmeras. O intuito é inibir a ação de vândalos que depredam esse tipo de estabelecimento.

Porém em alguns pontos estratégicos da cidade existem algumas câmeras, como por exemplo no calçadão, no centro e saídas da cidade. 

  • JOSEFINA

    R$ 160.000
  • SOL

    R$ 200.000
  • ***DEPILAÇÃO/ DESIGNER SOBRANCELHA

    Sob consulta
  • B. ESPERANÇA II

    R$ 400 + IPTU
  • LOTEAMENTO LAGO AZUL

    R$ 750.000
  • HELENA BRAZ VENDRAMINI

    R$ 150.000
  • VILLE DE FRANCE I

    R$ 140.000
  • UNO 11

    Sob consulta
  • PICK UP STRADA 14

    Sob consulta
  • MÁQ. COSTURA

    R$ 380

Renovação de anúncios classificados gratuitos.

Até quarta-feira às 18:00h.

Fechamento de edição para novos classificados.

Até quarta-feira às 12:00h.

Fone (14) 3324-1600

R. Antônio Carlos Mori, 504 - Centro,
Ourinhos - SP, 19900-081