MAX. º MIM. º
TEMPO:

CPFL Santa Cruz investiu R$8,5 milhões na região de Ourinhos

O investimento foi realizado para modernizar a rede de distribuição de energia elétrica 

 

Juliana Neves 

 

A CPFL Santa Cruz investiu R$ 8,5 milhões na região de Ourinhos no primeiro semestre de 2019. O investimento foi destinado para expansão, manutenção e modernização da rede de distribuição de energia que abastece a localidade regional. 

Tal atitude busca melhorias nos serviços oferecidos pela população, razão que a CPFL Santa Cruz mantém um plano de desenvolvimento contínuo em todas as áreas de atuação. 

Os recursos, provenientes do investimento, foram destinadoàs iniciativas de ampliação da capacidade, implementação de novas subestações e atualização da infraestrutura para a ligação de mais consumidores, substituição de equipamentos antigos por tecnologias mais eficazes e a criação de segundas fontes de alimentação para alguns municípios. 

Desta maneira, segundo Marcelo Henrique Ferreira, gerente de obras e manutenção, o valor total do investimento foi dividido em todos os setores da companhia. R$ 3,7 milhões foram direcionados para melhorias e manutenções do sistema, como troca de postes, reforço da rede secundária e instalação de espaçadores e cabos mais resistentes a interferências, além de reparos emergenciais” explica.  

Marcelo Henrique Ferreira, gerente de obras e manutenção (Fonte: arquivo CPFL Santa Cruz)

Segundo o gerente, a companhia também alocou R$ 1,2 milhão para o aumento da capacidade de carga das subestações e linhas de transmissão dos municípios. A infraestrutura ajuda a rede a suportar o crescimento da demanda de maneira estável e segura, além de tornar o abastecimento de energia na região mais flexível e seguro”. 

Marcelo lembrou ainda que outro valor de R$ 1,3 milhão foi investido na ligação de novos clientes, por meio da ampliação da rede elétrica e da instalação de novos medidores. 

Vale ressaltar que R$2,3 milhões foram aplicados em projetos especiais para modernização do sistema de distribuição e em redes inteligentes. “Um dos principais objetivos dos aportes na área é a instalação de novos religadores, equipamento que restabelece o fornecimento de energia elétrica de forma automática para um número maior de consumidores em casos de ocorrência, declara o gerente”. 

Todo o investimento é para os aportes tornarem-se mais seguros e confiáveis para o fornecimento para 114 mil consumidores de Ourinhos e das cidades vizinhas, como Bernardino de Campos, Ipaussu, Itaí, Jacarezinho, Piraju e Santa Cruz do Rio Pardo. 

Para o futuro, a perspectiva é que os investimentos cresçam cada vez mais na área de serviço e infraestrutura de distribuição de energia elétrica. “A companhia segue com um plano de investimentos que prevê que mais de R$ 10 bilhões serão revertidos em melhorias para os clientes das distribuidoras”, finaliza Marcelo Ferreira. 

© 1990 - 2019 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.