tera, 25 de fevereiro de 2020

MAX. º MIM. º
TEMPO:

Populares reclamam da falta de acesso a cadeirantes na Praça do Caló

O vereador Santiago garante que será feito dois acessos na praça agora ainda em janeiro

Juliana Neves

Recentemente, chegou até a redação do Jornal Negocião o descontentamento da população de Ourinhos em relação a falta de acesso para cadeirantes na Praça ao lado do Colégio Estadual Domingos Camerlingo Caló, espaço reformado recentemente para abrigar vários food trucks.

A equipe de jornalismo foi até o local e conversou com pessoas que sempre passam pela praça. Reinaldo Prado diz: “É impressionante uma praça tão bonita, reformada, com espaço para música, à noite tem alimentação e não possuir acesso ao cadeirante. Afinal, se a praça foi pensada para todos, deveria ter este acesso às pessoas que utilizam de cadeira de rodas”.

Reinaldo Prado

Maria Rita, estudante, exclamou perturbada pois, além de pensar nos cadeirantes, ela lembra também os idosos: “Ao ter uma guia rebaixada, facilita a movimentação para todos que necessitam de uma atenção especial”, reclama.

Maria Rita.

“Não ter este acesso é uma falta de respeito com idosos, cadeirantes e todos aqueles que precisam de facilidade para ter acesso ao espaço da Praça. Vejo pela minha mãe, que nem gosta de passar por aqui devido à falta de consideração com a população ourinhense”, conclui Maria Rita.

Um dos quatro cantos da praça sem acesso ao cadeirante.

VEREADOR PROMETE – O vereador Santiago de Lucas Angelo (PSC) informou que a construção deste acesso é um pedido antigo dele e que acabou caindo no esquecimento no ano passado. “Esta ação será uma das primeiras de 2020, serão construídas duas rampas de acesso na praça na quarta-feira dia 22 de janeiro” garantiu.

© 1990 - 2019 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.