MAX. º MIM. º
TEMPO:

Projeto “Adoçando com Melodia” busca garantir o acesso à cultura por meio da música

As ações são gratuitas e serão realizadas durante nove meses em casa de abrigo de menores, lar de idosos e instituições para pessoas especiais em Ourinhos

 

Manter a esperança em uma situação delicada nem sempre é possível. Principalmente, quando se trata de problemas relacionados a saúde e ao abandono. Pensando nisso, o Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria Cultural do Estado de São Paulo e Economia Criativa, grupo Colchões Castor, Branco Peres, Cocipa, Linoforte e MKM Produtora apresenta: “Adoçando com Melodia”, o projeto que tem como objetivo garantir o acesso à cultura por meio da música aqueles que passam momentos de dor, solidão e angustia.

As apresentações contemplam a Apae, o Lar dos Idosos Santa Teresa Jornet e o Projeto Arco-íris, em Ourinhos. Além de outras instituições em Adamantina e Osvaldo Cruz.

O objetivo é colaborar nos tratamentos médicos e até mesmo na convivência de pacientes, visto que, comprovadamente, a música pode ser uma das formas de reabilitação da saúde mental, por trabalhar com as reações e emoções comportamentais do indivíduo.

APRESENTAÇÕES

Semanais e com duração de até 90 minutos, as apresentações em hospitais, asilos e casa de abrigo de menores tem ritmos ecléticos para agradar aos mais variados estilos.

São disponibilizadas em períodos vespertino ou matutino, direcionadas ao público infantil, adultos e idosos, com horários adaptados as possibilidades do local para que não interfiram na rotina programada, mas acrescente momentos de prazer afastando e amenizando sentimentos como ansiedade, medo, solidão e tristeza.

O projeto conta ao todo com nove músicos, três grupos de três integrantes cada – que levarão alegria e cultura para ao menos de 15 instituições diferentes. Confira o cronograma de apresentações e acompanhe detalhes no Instagram e Facebook: @mkmprodutorabr.

© 1990 - 2019 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.