quinta, 18 de abril de 2024

Carteiro é flagrado chutando cachorro durante entrega de encomenda em Marília

Imagens de câmeras da casa em Marília (SP) flagraram o momento em que o entregador entra no quintal do imóvel e o cão late para ele. O suspeito das agressões afirma que utilizou a própria perna para evitar ser mordido, não tendo feito ‘nada além de se defender’.

 

Da redação

 

Um carteiro foi flagrado chutando a cabeça de um cachorro enquanto realizava uma entrega no bairro Jardim Marília, em Marília (SP). O caso foi registrado na segunda-feira (21).

Imagens de câmeras de segurança da casa flagraram o momento em que o entregador entra no quintal do imóvel, e o cão late contra ele. Pouco depois de deixar a encomenda, o carteiro dá um chute no animal. O cachorro então se contorce no chão, enquanto o suspeito deixa o local.

 

 

De acordo com o boletim de ocorrência, o cachorro perdeu brevemente a consciência. O animal foi encaminhado ao médico veterinário, onde foi constatado um processo inflamatório na região do crânio.

A tutora do cachorro, na sua versão do B.O por maus-tratos contra animais, aponta que não havia ninguém na residência no momento da agressão e que o carteiro foi autorizado a entrar na casa por meio da portaria remota. Ela afirmou também que o entregador voltou à residência na terça-feira (22) para pedir desculpas pela agressão contra o animal.

O suspeito das agressões também registrou B.O contra a tutora do animal por difamação. O carteiro confirmou que a dona da residência autorizou a sua entrada no local por meio da portaria remota. Ele afirma que, em determinado momento, o cachorro o atacou e que para evitar ser mordido, utilizou a própria perna, não tendo feito “nada além de se defender”.

Ainda segundo o carteiro, o registro policial por difamação foi feito contra a tutora do animal por ela ter divulgado as imagens nas redes sociais o acusando da suposta agressão contra o cachorro.

O g1 entrou em contato com os Correios para comentar a ação do seu funcionário, mas até o início da manhã desta quarta-feira (23) não obteve retorno.

A ocorrência foi registrada na Central de Polícia Rodoviária de Marília. A polícia investiga o caso.

 

(Com informações g1)

 

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.