quinta, 18 de julho de 2024

Coletivo Enfrente requer informações sobre a qualidade da água em Ourinhos

Publicado em 15 mar 2022 - 16:43:14

           

Requerimento 668/22 é motivado por pesquisa que afirma que água do município pode conter substâncias nocivas à saúde

 

Marcília Estefani

 

A vereadora do Mandato Coletivo Enfrente, Roberta Stopa (PT), apresentou na última Sessão da Câmara Municipal de Ourinhos, realizada na noite da segunda-feira, 14, requerimento 668/22, onde pede informações sobre dados dos testes feitos na água para consumo humano no município de Ourinhos após o tratamento e enviados ao Sistema de Informação de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano (Sisagua).

 

 

A nova polêmica sobre a água teve início após divulgação de pesquisa feita pela organização Repórter Brasil, através de um estudo denominado Mapa da Água, que aponta que pelo menos 763 cidades brasileiras fizeram uso de água de torneira imprópria para consumo entre 2018 e 2020. Entre eles está São Paulo (13 testes acima do limite), Florianópolis (26) e Guarulhos (11). Ourinhos é citado com pelo menos duas substâncias nocivas, que podem causar câncer.

Após a publicação da pesquisa, a Superintendência de Água e Esgoto de Ourinhos divulgou nota onde informa que os Relatórios Anuais da Qualidade da Água Consumida no Município estão disponíveis no site da SAE e que a superintendência não faz as análises. Todo processo de controle é de responsabilidade do laboratório contratado especialmente para este trabalho, seguindo o princípio da imparcialidade e acreditado pelo Ministério da Saúde.

Porém, segundo a vereadora, a SAE deixou de divulgar no seu site os relatórios sobre a qualidade da água dos últimos anos, ou seja, 2020, 2021 não foram divulgados.

Ainda de acordo com Roberta, os relatórios de 2017, 2018 e 2019 apresentam resultados idênticos, o que não ocorre nos anos anteriores.

“Por quê os dados referentes a 2013 a 2016 são distintos uns dos outros, todo ano tem uma mudança, contudo os dados de 2017, 2018 e 2019 são exatamente iguais, o que parece, ao ver esses relatórios, que é um copia e cola, a gente pergunta, é somente uma coincidência? Será que dá pra confiar nesses dados?”.

A Vereadora Roberta Stopa pede também através de seu requerimento, informações sobre quais os laboratórios vêm realizando as análises de água em Ourinhos, principalmente entre os anos de 2017 a 2021, se são habilitados para esta operacionalização, e solicita o envio das cópias dos laudos de qualidade de água fornecidas pelos laboratórios contratados entre os anos de 2017 a 2021.

 

 

 

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.