quinta, 29 de fevereiro de 2024

Evento de formatura marca o sucesso do projeto Sementes de Ouro

Autoridades presentes nas escolas nas quais foram executados o “projeto piloto” afirmam: em 2024 mais de mil alunos estarão envolvidos na ação.

 

Alexandre Mansinho

 

Nestes últimos dias do mês de novembro, de 21 a 28, aconteceram as formaturas e entregas dos certificados para os alunos participantes do Projeto “Sementes de Ouro”, uma iniciativa de prevenção de acidentes, ensino de civismo, orientações de segurança e resistência a drogas, desenvolvida em parceria entre a Secretaria de Segurança Pública e a Secretaria de Educação. Os instrutores, GCM Tavares e GCM Teixeira, desempenharam um papel fundamental ministrando aulas aos alunos do quinto ano da rede municipal de ensino ao longo de 2023.

 

 

O projeto foi, nesse primeiro semestre de implementação, executado em cinco escolas: EMEF Georgina Amaral Santos Lopes (CAIC), EMEF Dr. Salem Abujamra, EMEF Profa. Nilse de Freitas, EMEF Educador Paulo Freire e EMEF Profa. Jandira Lacerda Zanoni. Durante esse período, os alunos foram capacitados em diversas questões relacionadas à vida nas comunidades, respeito ao próximo e observação das leis. O sucesso da iniciativa reflete o comprometimento dos instrutores e a colaboração efetiva entre as secretarias envolvidas.

Segundo o Prof. Lucas Suzuki, para o próximo ano, as expectativas são ainda mais promissoras: “iremos expandir o projeto para mais 12 escolas com o objetivo de incluir cerca de mil alunos da Rede Municipal”. Suzuki também revelou que ficou positivamente surpreendido com o desempenho dos GCM’s Tavares e Teixeira: “a conexão que os dois tiveram com os alunos e a didática, mesmo sendo duas pessoas que não têm formação docente, nos deixou extremamente felizes”, completa.

 

Prof. Lucas Suzuki

 

Sandra Ferreira e Lourdes de Almeida Garbim, familiares de alunos que participaram do Projeto na EMEF Jandira Lacerda Zanoni conversaram com o jornalismo do Jornal Negocião e falaram sobre a importância dos temas trabalhados pelos GCM’s, revelando que as crianças geralmente chegavam em casa entusiasmadas, comentando sobre como tinha sido o encontro e partilhando com as famílias o que havia sido debatido.

 

Sandra Ferreira e Lourdes de Almeida Garbim

 

“A formatura deste ano celebrou não apenas o encerramento de uma etapa, mas também o início de um ciclo que promete impactar positivamente a educação e a segurança na comunidade”, foi o que afirmou à reportagem a diretora da EMEF Jorgina, a Profa. Josecleia Ribeiro Andreati. Ainda segundo a gestora, foram visíveis as mudanças positivas no convívio e na aprendizagem dos alunos depois do início do trabalho do Projeto.

 

Profa. Josecleia Ribeiro Andreati

 

Lucimara Leite Laiter, professora supervisora de ensino da Secretaria da Educação de Ourinhos, ressalta que o projeto “Sementes de Ouro” reforça o compromisso das autoridades de educação e de segurança pública com o desenvolvimento integral das crianças e a construção de um futuro mais promissor: “a importância do trabalho dos GCM’s foi, além de tudo, abordar temas transversais que nós, como educadores, não temos tempo de abordar em sala de aula por conta, muitas das vezes, da quantidade de assuntos curriculares que devem ser estudados”.

 

Profa. Lucimara Leite Laiter

 

Ainda segundo a Profa. Lucimara, o sucesso do Sementes de Ouro só confirma algo que os educadores sempre souberam: “o trabalho integrado, com parceiros e comunidade escolar, costuma ser riquíssimo em resultados, e, nesse caso, não foi diferente”, completa.

O GCM Jefferson Ferreira dos Santos esteve presente na formatura do Projeto juntamente com uma comitiva da Guarda Civil Municipal de Itapecerica da Serra. Segundo o GCM Santos, o Sementes de Ouro deve ser incentivado e ampliado: “no nosso município temos diversos projetos de trabalho em conjunto com a secretaria da educação e, assim como foi em Ourinhos, nossas iniciativas são exitosas (…) estamos aqui para compartilhar desse momento tão importante para a vida dessas crianças”.

 

GCM Jefferson Fereira dos Santos

 

A aluna Maria Eduarda Pedroso, uma das formandas do projeto, confirmou que ela e seus colegas gostaram muito dos encontros promovidos pelos GCM’s e que até ficavam ansiosos para a chegada do dia do Projeto: “foi muito legal, e eu fiquei muito feliz de estar participando com todos os meus colegas e todo o pessoal da escola”.

 

Maria Eduarda Pedroso

 

O Subcomandante de Guarda Civil Municipal, Mário César Marcon, compartilhou sua alegria com o evento de formatura das crianças, para ele o trabalho de prevenção primária é o mais importante no que diz respeito à manutenção da paz e das relações saudáveis na comunidade: “estamos apegados ao princípio de que, se educarmos bem as crianças, não será necessário punir os adultos; isso significa que essas sementes que foram lançadas na terra irão dar bons frutos por toda uma vida”.

 

Mário César Marcon e Alexandre Cornélio

 

O Tenente PM Alexandre Cornélio, que assumiu recentemente como Comandante da Guarda Civil Municipal, parabenizou todos os envolvidos na ação e registrou seu carinho com as ações que tem o objetivo de prevenir ações criminosas: “um trabalho como esse, que tem sido realizado pela Secretaria da Educação e a Secretaria de Segurança junto com todos os parceiros, é um bom exemplo de como podemos, desde muito cedo, formar bons cidadãos”.

 

André Lúcio de Castro

 

Houve também a presença de instituições que foram, no decorrer do tempo, se juntando ao projeto, como a Polícia Rodoviária Federal, representada pelo PRF André Lúcio de Carvalho, que disse ao Negocião que “a escola é o melhor lugar para que seja ensinado que as drogas são nocivas e prejudiciais para a sociedade”. André completa dizendo que, no cotidiano das estradas, o que mais se vê são jovens envolvidos com o tráfico, e que projetos como o Sementes têm a função de conscientizar e impedir que, no dia de amanhã, essas crianças sejam seduzidas pelo mundo do crime.

 

Secretário Elvis Botega

 

O secretário de segurança pública, Elvis Alessandro Fernandes Botega, reafirmou o empenho da Secretaria Municipal de Segurança no intuito de manter vivo esse projeto e colaborar para que haja a ampliação da ação dos educadores por toda a rede de ensino.

 

GCM Teixeira

 

Por fim, o Negocião conversou com os dois agentes responsáveis pelo contato direto com as crianças, Dâmela Tavares Teixeira e Jefferson Luiz Tavares Teixeira, os GCM’s que foram os educadores envolvidos na implementação do “Sementes de Ouro”. Segundo eles, a disponibilidade e proatividade dos alunos foi o diferencial e refletiu diretamente no sucesso do Sementes. A cada encontro, ainda segundo os GCM’s, as crianças demonstravam mais empenho e mais carinho, o que colaborou diretamente no produto final.

 

GCM Tavares

 

Da mesma forma que aconteceu na escola EMEF Jandira, as formaturas contaram com a presença em peso das comunidades locais, além dos dois mascotes da Guarda Civil Municipal, os GCM’s ZEus e Zoe.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.