quinta, 18 de julho de 2024

Ladrão de celular é preso em menos de 20 minutos

Publicado em 22 fev 2016 - 06:14:23

           

Renata Tiburcio

Uma ação militar envolvendo todos os Policiais Militares de serviço da data de hoje, (22/2), resultou na prisão de Felipe José Cravieiro, 24 anos, autor de um roubo de um aparelho celular de uma funcionária de uma loja no centro de Ourinhos, Arlindo Luz.

Nossa reportagem conversou com a funcionária da loja ela explicou que por volta 10h30 o rapaz adentrou na loja, tanto ela quanto as demais funcionárias desconfiaram, “pensei que ele iria assaltar a loja ele entrou um pouco nervoso, em seguida veio em minha direção eu estava atrás do balcão e me perguntou por tal modelo de tênis, eu respondi que no momento não tinha. Em seguida ele anunciou que estava armado, não mostrou nenhuma arma, mas disse que estava armado e mandou eu entregar o meu aparelho celular que estava em cima do balcão da loja, em seguida me empurrou pegou meu aparelho celular e saiu correndo”, declarou a vítima que não quis se identificar.

Ainda segundo a funcionária, assim que o marginal roubou seu aparelho ela gritou ladrão, ladrão e alguns funcionários e populares saíram correndo atrás dele pela área central, mas não conseguiram detê-lo.

A Polícia Militar foi acionada e informada sobre o assalto e munidos das características do autor, ou seja, camiseta rosa, short branco, alto, magro careca com uma mochila preta nas costas e com uma tatuagem no braço escrita Maria, os militares iniciariam as diligências.

Em questão de 20 minutos os policiais após buscas incessantes conseguiram deter Felipe na Rua Jorge Tibiriçá- Vila Margarida. Felipe já havia trocado de roupas, estava de camiseta preta e short azul. Ele foi submetido a busca pessoal e nada de ilícito e nem aparelho celular foram encontrados, apenas o valor de R$ 40 reais. 

Ao ser questionado sobre o aparelho celular roubado, confessou que havia vendido para um Mototaxista pelo valor de R$ 40 reais.

Diante de sua declaração os policiais juntamente com Felipe foram até o ponto do Moto Taxi onde encontraram o aparelho em posse de H. J. O. 29 anos, qual confessou que havia comprado o celular de Felipe por R$ 40 reais.

Por fim, os dois foram conduzidos até a Central de Polícia Judiciária onde, Felipe foi autuado em flagrante por Roubo, em seguida conduzido para a Cadeia de São Pedro do Turvo, quanto ao Mototaxista foi liberado.

O Mototaxista falou com nossa reportagem, e alegou que não sabia que o aparelho celular era produto de roubo, inclusive disse que perguntou para Felipe se era produto de furto ou roubo tendo ele negado, alegando que esqueceu a senha e que estava bloqueado, por isso, decidiu por vendê-lo.

O aparelho celular foi devolvido para a vítima. As vestes e o dinheiro do autor foram apreendidos.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.