sexta, 24 de maio de 2024

Melhoria do atendimento à saúde será em médio prazo

No último dia 04 o Secretário Adjunto de Estado da Saúde de São Paulo Wilson Modesto Pollara passou por Ourinhos e reuniu-se com gestores da Santa Casa e secretários municipais de saúde para discutir a reestruturação regional da rede de atendimento de saúde. O sistema adotado de gestão compartilhada de saúde vem enfrentando problemas em todo estado. Na ocasião em entrevista ao NovoNegocião, o secretário disse que a atenção na rede hospitalar da região num primeiro momento vai passar pela redefinição de competências de atendimento nos municípios das microrregiões coordenadas pela CIR – Comissão Inter gestores Regional.

A diretoria da Santa Casa de Ourinhos vive a expectativa de que a reestruturação proposta possa ser uma a saída para questões como a falta de recursos para ampliação do número de leitos. Em contato com a reportagem Fernando Abreu, da administração do hospital, acredita que as mudanças aconteçam em médio prazo, já que uma nova adequação de todo sistema e fluxo no atendimento não é simples; principalmente em se tratando de atendimento de média e alta complexidade. A população da região tem sofrido com a falta de leitos e vagas para internação, a Santa Casa de Ourinhos tem sido afetada pelo desequilíbrio entre demanda regional e oferta de atendimento.

Segundo o secretário Wilson Pollara, dos 62 municípios atendidos pelo Departamento Regional de Saúde com sede em Marília, metade tem menos de vinte mil habitantes. A ideia é que esses pequenos municípios se reúnam em consórcios para que possam ter mais estrutura no atendimento e evitar mandar os pacientes com sintomas simples para os hospitais de alta complexidade comprometendo o atendimento especializado.

Ainda conforme Pollara haverá um redimensionamento de toda a capacidade instalada nas microrregiões de Marília, Garça, Assis, Ourinhos e Tupã. O que se pretende é redesenhar todo o fluxo de pacientes e identificar as vocações de cada instrumento de saúde para que cada um demonstre o seu potencial para melhor atender os pacientes e otimizar os recursos financeiros alocando para os locais onde haja mais necessidade.

 

 

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.