sexta, 19 de julho de 2024

Ministério da Educação diz que não haverá suspensão do pagamento das bolsas da Capes

Publicado em 06 ago 2018 - 12:05:14

           

Da redação

Nota pública divulgada na quinta-feira, 2, sobre uma possível suspensão de todas as bolsas de mestrado, doutorado e pós-doutorado mantidos pela Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), caso o governo federal não mude a proposta orçamentária para o Ministério da Educação (MEC) em 2019, causou repercussão bastante negativa entre cientistas e pesquisadores.

A nota, assinada pelo presidente da Capes, Abilio Baeta Neves, e endereçada ao ministro da Educação, Rossieli Soares da Silva, foi resultado de uma reunião realizada na quarta-feira, 1º/8, pelo conselho superior da Capes para discutir seu orçamento para o próximo ano. O conselho é formado por representantes da Coordenadoria e de outros órgãos da sociedade civil relacionados à pesquisa científica.

Tal decisão afetaria 93 mil estudantes e pesquisadores, além de 105 mil bolsistas do Pibid (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência) que deixariam de receber recursos.

No entanto, após reunião realizada na sexta-feira, 3, entre os ministros da Educação e do Planejamento, Ministério da Educação diz que ‘não haverá suspensão do pagamento das bolsas da Capes’.

O presidente Michel Temer também afirmou que a verba para a Capes está garantida. Ele disse que se reuniu com membros de seu conselho científico para tratar do assunto. “Se houver problema eventual, eu não vou deixar faltar. Eu compensarei”, disse Temer.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.