sexta, 19 de abril de 2024

Observatório Social de Ourinhos aplica 2º Teste de Honestidade nas escolas de Ourinhos

Desta vez, o teste foi feito nas escolas da rede estadual de ensino entre 18 de outubro e 23 de novembro; participaram 12 escolas, a Pedro Ferraz de Andrade do Jardim Itamarati foi a ganhadora e levou uma mesa de ping pong de presente

 

Da redação

 

Em mais um Projeto visando incentivar o ourinhense à cidadania e boa educação, o Observatório Social de Ourinhos promoveu o 2º Teste de Honestidade em nossa cidade.

Desta vez, 12 escolas estaduais participaram, sob a autorização e anuência da Diretoria Regional de Ensino. A dirigente regional de ensino, Sandra Regina Andrade de Oliveira, afirmou que “gostamos muito de participar nesta nova parceria com o Observatório, são ações assim como foi o Concurso de Redação feito durante a pandemia em 2020, que promovem o cidadão do futuro”.

 

COMO FOI FEITO O TESTE – O Observatório Social levou uma caixa com bombons durante os intervalos de aula, no pátio das escolas. Ao lado ficou um cofre onde todos os alunos pegavam os bombons e depositavam seu dinheiro. Podia ser pago em dinheiro ou PIX.

Ao final era feito o levantamento da quantidade de bombons vendidos, o dinheiro arrecadado e obtinha-se a porcentagem de honestidade de cada escola.

“Não fiscalizamos ninguém, deixamos os alunos a vontade, apenas repomos os bombons quando necessário”, informou Bianca Moraes, coordenadora do escritório local do Observatório.

 

TODAS AS FAIXAS ETÁRIAS – O teste foi aplicado em todas as faixas etárias, desde o ensino fundamental até aos alunos do ensino médio e EJA (Escola para Jovens e Adultos). “Tivemos a grata surpresa de além de estimularmos a honestidade, houve também solidariedade com os alunos comprando e dividindo com os colegas que não tinham dinheiro”, declarou Hernani Corrêa, atual presidente do Observatório Social de Ourinhos.

 

RECEIO DE ALGUNS DIRETORES – Alguns diretores de escolas não permitiram que o Observatório aplicasse o teste. Dorival Ricardo, diretor da Escola vencedora, disse que no início estava receoso. “Ficamos um pouco temerosos por termos nossos alunos testados em sua honestidade, mas no final, tudo deu certo. O teste foi bem explicado, classe por classe, antes de ser aplicado, isto deu muita transparência”.

 

AGRADECIMENTOS – O Observatório agradece a todos os voluntários que se envolveram no projeto, à Marvi e JB Embalagens que colaboraram com a doação de Cornelos e Bombons respectivamente. “Gostaríamos também de agradecer a diretoria regional de ensino e a todos os diretores e professores de escolas que se envolveram nessa ação. O incentivo e o comprometimento de todos foram fundamentais para o sucesso”, finalizou Hernani Corrêa.

 

CERIMÔMIA DE ENTREGA – No dia 30 de novembro, o Observatório Social reuniu membros da diretoria regional de ensino, professores, diretores e alunos da Escola Pedro Ferraz de Andrade e entregou oficialmente a mesa de ping pong à escola.

PreviousNext

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.