quinta, 29 de fevereiro de 2024

PERIGO: Criança é picada por escorpião em Ipaussu (SP)

O menino passa bem, mas o medo ainda persiste: “perdi a paz”, diz a mãe. Prefeitura afirma que providências estão sendo tomadas.

 

Jornalista Alexandre Mansinho

 

No último dia 21 de novembro, uma família da ipaussuenses moradora do bairro Cocajá passou por momentos de terror: no início da manhã, enquanto se preparava para ir à escola, uma criança foi picada por um escorpião. O socorro foi rápido, o menino foi levado para o atendimento médico e não teve maiores sequelas.

“Meu filho mais velho é que foi picado, tenho uma outra menina, bem mais nova, fico pensando que se fosse ela, por ser pequenininha, talvez teria acontecido uma tragédia”, disse a mãe com exclusividade para o Jornal Negocião.

 

NÃO TENHO MAIS UM DIA DE PAZ – “meu marido já matou outros tantos escorpiões aqui em casa, eles sobem pelo ralo e, ao que parece, o ninho fica no bueiro que está bem em frente à minha casa”. A mãe completa dizendo que mantém a casa limpa, os ambientes sem acumulação, que ela e o esposo limpam constantemente todos os ralos da casa, mas os insetos continuam aparecendo.

A equipe de reportagem do Negocião procurou a administração municipal de Ipaussu e o secretário de meio ambiente, Engº Misael Rainer, disse que, logo que soube dos incidentes, já enviou uma equipe para o local e avaliou a situação: “a secretaria de planejamento urbano, obras e saneamento, chefiada por Ediel Correa Fernandes, já tem uma dedetização marcada para aquele ponto da cidade para o próximo dia 7 de dezembro”. Misael também disse que, logo que tomou ciência do acontecido, orientou sua equipe para visitar o local e providenciar ações.

O tempo úmido e quente é propício para o surgimento de escorpiões, e é no período do verão que eles se reproduzem. Os venenos convencionais não costumam ter uma ação eficaz contra o inseto, sobrando para a população apenas a orientação de manter todos os ambientes da casa limpos e os terrenos sem entulho ou mato.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.