quarta, 22 de maio de 2024

Polícia Civil de Ourinhos recupera em média 60% de celulares roubados

Alexandre Mansinho

Dr. José Crisci Manzano, delegado da Central de Polícia Judiciária de Ourinhos (CPJ), fala com o Jornal Negocião sobre a importância de se lavrar os boletins de ocorrência de furtos, por mais banais e incômodos que sejam, para que a Polícia Civil tenha como efetuar o trabalho de investigação.

“A população precisa compreender que só poderemos pegar os ladrões se houver elementos que permitam uma boa investigação – geralmente aquele que furta uma residência já é um ladrão contumaz, sendo assim, se houver vários boletins de ocorrência, com o máximo de dados possíveis, poderemos ter mais elementos para prender e deixar esse indivíduo à disposição da justiça”.

Dr. Manzano ainda reforça: “Todos os dias são feitas prisões e apreensões de itens roubados, o índice de recuperação de celulares, por exemplo, gira em torno de 60%. Há um índice considerável também de recuperação de outros itens, fruto de furtos a residência (…) é sempre importante que o cidadão vítima de roubo ou furto reserve um tempo e vá à Polícia Civil fazer o registro”.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.