quinta, 18 de abril de 2024

RETROSPECTIVA 2022

JULHO

 

 

NOVA GESTÃO – A partir das 00h00 do dia 24 de julho a Unidade de Pronto Atendimento de Ourinhos – UPA, passou a ser administrada pela Associação da Santa Casa de Misericórdia. Upa mudará de nome e será conhecida como Pronto Atendimento da Santa Casa, segundo o prefeito. O novo plano de urgência e emergência da cidade terá início na UPA, com serviço 24h, abrangendo ainda as unidades de pronto atendimento do Postão e Cohab.

O compromisso com a saúde pública de qualidade e a gestão de excelência dos recursos públicos garantiram que a Santa Casa saísse também vencedora da concorrência aberta para nova gestão do Ambulatório Médico de Especialidades (AME) de Ourinhos, assumindo a unidade a partir de 1º de outubro de 2022.

 

MUDANÇAS NA GESTÃO MUNICIPAL – Raquel Spada deixa o plenário e assume Secretaria de Governo, no lugar de Silvonei Rodrigues, Esquilo. Sua cadeira na Câmara foi ocupada por seu suplente, Abel Fiel. Esquilo vai para a Secretaria de Obras e lnfraestrutura, ocupando o lugar de Kléber Rebouças, que segue na pasta como secretário adjunto.

 

INCINERAÇÃO DE DROGAS – A Polícia Civil de Ourinhos, através da Delegacia de Polícia de Investigações sobre Entorpecentes, incinerou mais de uma tonelada e meia de droga, fruto de recentes apreensões, tanto da Polícia Civil, quanto da Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal.

 

MUNDO DIGITAL – Em Ourinhos, o 2º Cartório de Notas foi o pioneiro em realizar atos notariais de forma online, por meio da plataforma e-Notariado. Segundo a Tabeliã Yvi Helene Lima Pagliusi, maisde 250 transações já foram realizadas através deste sistema, inclusive envolvendo em um mesmo processo, pessoas de outros países.

 

PARTO – Policiais Militares do 31º Batalhão de Polícia Militar de Ourinhos auxiliam gestante durante o parto e trazem ao mundo uma lida menina.

 

 

HOMICÍDIO – O crime aconteceu na Rua Ivone Cardoso Pereira Cavenago, no CDHU da Vila Brasil, por volta das 8h00, onde Julio César Correia de Oliveira, 26 anos, foi morto com uma facada no coração. O autor do crime, Marino Dini, 37 anos, fugiu do local dos fatos e se apresentou na Central de Polícia Judiciária de Ourinhos dias depois acompanhado de seu advogado.

Segundo informações colhidas pelo Negocião, o rapaz esteve escondido em uma cidade do Paraná. Ele foi preso e encaminhado à Cadeia Pública de São Pedro do Turvo, onde ficará à disposição da polícia.

 

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.