terça, 23 de julho de 2024

Vereadores usam a tribuna para questionar andamento e instaurações de CPIs

Publicado em 30 abr 2019 - 06:10:15

           

Letícia Azevedo

 

Na noite da última segunda-feira (29), o assunto mais questionado durante a 13ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Ourinhos foi o andamento de CPIs sobre casos que geram polêmica na cidade de Ourinhos.

Após membros da Comissão da CPI da Cultura pedirem prorrogação do prazo para a conclusão da mesma, os vereadores da oposição questionaram a quantas anda as investigações e nenhum dos membros soube ou quis responder aos questionamentos.

E falando em CPI o Vereador Vadinho solicitou a criação de uma CPI para apurar os problemas e mortes ocorridas na UPA de Ourinhos. Vários casos vem ocorrendo e segundo o vereador, eles são semanalmente procurados por familiares e envolvidos nos casos a fim de cobrar respostas junto ao Poder Público.

Apesar da aparente força de vontade do Vereador da Oposição, a Prefeitura Municipal parece não estar de “bem” com o parlamentar. Vários projetos de autoria de Vadinho estão sendo vetados.

Outro assunto que incessantemente é abordado na Casa do Poder Legislativo é a Falta D’Água na cidade. Fora o assunto que é uma incógnita entre os munícipes, a qualidade da água também vem sendo questionada, após o empresário Sérgio Gama afirmar em suas redes sociais que a água distribuída nas torneiras ourinhenses pode causar câncer nos munícipes.

O vereador Flavinho do Açougue tocou no assunto e incitou os nobres pares a intimarem o empresário para prestar esclarecimentos na Casa, juntamente com o superintendente da SAE, Marcelo Simoni.

Apesar de não demonstrarem muito entusiasmo com o assunto, os edis acabaram concordando que o assunto da água é polêmico e que o empresário deve marcar presença na Câmara Municipal. O vereador Anísio Felicetti acabou parabenizando o vereador Flavinho pela atitude.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.