sexta, 12 de julho de 2024

Ourinhos continua imune ao sarampo mas é necessário de prevenir

Publicado em 19 jul 2019 - 18:33:16

           

Para quem vai viajar para cidades que tenham casos registrados, podem procurar pelos Postos de Saúde para se vacinar

Letícia Azevedo

Divulgação do Ministério da Saúde, na quarta-feira, 17, confirmou 426 casos de sarampo em sete estados do Brasil. Outros 810 casos estão em investigação e 986 já foram descartados. São Paulo lidera o ranking com o maior número de infecções: representa 82% de todos os registros do país.

Apesar do número ser crescente no estado, a cidade de Ourinhos não tem nenhum caso registrado neste ano, nem mesmo suspeito, porém é importante salientar que a imunização é a saída para evitar a doença.

O sarampo é uma doença viral altamente transmissível, tem início com febre acompanhada de coriza, conjuntivite e erupção cutânea, que surge de dois a três dias após a febre. É uma doença grave que pode levar a morte.

As aparições mais comuns são em crianças menores de cinco anos e adultos com algum grau de imunossupressão. Durante a gravidez aumenta o risco de parto prematuro, aborto espontâneo e bebês com baixo peso ao nascer.

Para quem vai viajar para cidades que tenham casos registrados, podem procurar pelos Postos de Saúde de Ourinhos, e tomar a dose chamada “Tríplice Viral”, que imuniza inclusive contra outras doenças, como a caxumba e a rubéola. É imprescindível a apresentação da Carteirinha de Vacinação.

Para receber a vacina basta procurar as unidades de saúde: centro de Saúde I, UBS Parque Minas Gerais, CAIC, UBS Vila Brasil, Vila São Luiz, Vila Margarida, COHAB, Vila Odilon e UBS Jardim Itamaraty das 09 às 17 horas.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.