fbpx

terça, 19 de outubro de 2021

MAX. º MIM. º
TEMPO:

Em novo Decreto, comércio poderá trabalhar sem atendimento ao público

As novas determinações entram em vigor, amanhã, terça-feira, 2 de março, e são válidas até a próxima reclassificação do governo do estado

 

Marcília Estefani

 

O documento foi publicado na noite desta segunda-feira, 1º de março, após reunião do prefeito com o Comitê Técnico da Covid de Ourinhos.

– De acordo com as novas diretrizes, fica permitido funcionamento normal das atividades essenciais.

– Imobiliárias, escritórios, concessionárias, comércio em geral, shoppings centers, podem desenvolver suas atividades internas sem atendimento ao público, apenas digitalmente e por telefone, com entrega de documentos e produtos por delivery, drive thru e take-away.

– Academias para atendimento personal trainer, individual ou familiar; salões de beleza e barbearias com atendimento individual e hora marcada.

– Padarias e confeitarias, restaurantes, pizzaria, lanchonetes e similares, sorveterias, adegas, bares e pitstops, food trucks, comércio ambulante, tabacarias, sem atendimento presencial, sem consumo no local, apenas para atendimento digital e telefônico, e entrega de produtos por delivery, drive thru e take-away.

– Igrejas e templos religiosos podem continuar celebrando apenas cultos e missas com até duas horas de duração, com capacidade de 30% do público.

– Feiras livres apenas em sistema delivery e take-away.

– Em seu parágrafo único o decreto ressalta que “Será obrigatório o fechamento compulsório do estabelecimento no momento de constatação do descumprimento do presente Decreto”.

As novas determinações são válidas até a próxima reclassificação do governo do estado.

 

Veja na íntegra mais informações sobre o decreto, com os horários de atendimento de cada setor:

 

PreviousNext

© 1990 - 2021 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.

×

Olá

Clique abaixo para falar conosco pelo WhatsApp ou envie um e-mail para [email protected]

×