domingo, 17 de janeiro de 2021

MAX. º MIM. º
TEMPO:

Região de Ourinhos recua para fase laranja do plano de flexibilização da quarentena

Cidades devem seguir as regras da segunda fase mais restritiva do Plano São Paulo, depois de passarem meses seguindo a flexibilização da fase amarela

 

Da redação

 

O Governo do Estado regrediu a região de Marília (SP), a qual Ourinhos pertence, para a fase laranja do Plano São Paulo de flexibilização da economia. A informação foi divulgada durante uma coletiva de imprensa, no início da tarde desta sexta-feira (8).

Após a divulgação da reclassificação, o Prefeito Lucas Pocay ainda não se manifestou sobre o assunto, porém, em entrevista concedida na quinta-feira, (7), para a TV Tem, o mesmo afirmou que seguiria as recomendações do governo do estado se fosse necessário.

“Não tivemos por parte de muitos essa conscientização de perceber o momento crítico que a saúde atravessa por causa desta pandemia. Agora nós temos até o próprio Supremo se posicionando, a recomendação do Ministério Público, e o momento mais complicado chegou agora. Com certeza vamos seguir todas as recomendações e a fase que o governo do estado colocar a cidade de Ourinhos”,  declarou o prefeito.

 

O que muda nas regras da fase laranja

Além da reclassificação das regiões, foram anunciadas também mudanças nas regras da fase laranja e dos indicadores utilizados pelo governo. A partir de agora, as taxas de casos a cada 100 mil habitantes também farão parte da avaliação.

O Departamento Regional de Saúde (DRS) de Marília estava na fase amarela do Plano São Paulo desde o começo de setembro. A região tinha avançado para essa fase junto com Bauru no início de agosto, mas foi rebaixada novamente 15 dias depois.

A fase laranja, segunda mais restritiva do Plano São Paulo, é considerada uma etapa de atenção, com eventuais liberações. Shoppings, galerias, comércio e serviços podem funcionar desde que respeitando os seguintes critérios que também tiveram mudanças anunciadas na coletiva.

  • Ocupação máxima limitada anteriormente a 20% agora passou para 40% da capacidade do local;
  • Horário reduzido: de quatro horas seguidas em todos os dias da semana ou seis horas seguidas em quatro dias da semana, passou para 8 horas diárias.
  • No caso dos bares, o atendimento presencial está proibido.
  • Parques estaduais estão liberados.
  • Todos os estabelecimentos podem funcionar até as 20h.
  • Departamento Regional de Saúde de Bauru manteve-se na fase amarela. Está em vigor na cidade um decreto que estendeu a quarentena até o dia 17 de janeiro, mantendo as restrições previstas na fase 3 (amarela).
  • Quatro cidades do centro-oeste paulista que pertencem ao DRS de Araraquara continuam na fase amarela. São elas: Borborema, Ibitinga, Itápolis e Tabatinga.
  • Outras duas, Quatá e João Ramalho, pertencem ao DRS de Presidente Prudente, que havia sido rebaixada para fase vermelha, e agora subiu para fase laranja

Novo leitos de UTI serão disponibilizados

Novos leitos de UTI para Covid-19 são abertos em Garça para atender a região de Marília. Serão mais seis leitos no Hospital São Lucas. Em todo o Departamento Regional de Saúde, que engloba 62 municípios, são 157 leitos e, segundo dados oficiais do estado, a ocupação é de 72,6% dos leitos de UTI.

(Com conteúdo G1/TV Tem)

 

© 1990 - 2019 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.