fbpx

sábado, 15 de janeiro de 2022

MAX. º MIM. º
TEMPO:

Veja a opinião dos editores e leitores

“FRITADOS DE NOVO I” – A prefeitura de Ourinhos marcou uma entrevista coletiva com toda a imprensa ontem, quinta-feira, 22, às 16 hs. O assunto seria sobre alertas que o órgão faria à população sobre medidas para combate a dengue em Ourinhos, para prevenção de uma possível epidemia. Nesse horário, nossa edição já estava fechada e a equipe de jornalismo envolvida nisso, por isso, não conseguimos comparecer. Parece de propósito, novamente.

“FRITADOS DE NOVO II” – A Coordenadoria de Comunicação da Prefeitura distribui os releases (matérias) para os veículos de comunicação da cidade. Mas nem todos recebem tudo, existem alguns favorecimentos. Nesta semana, por exemplo, o NovoNegocião não recebeu a matéria sobre a coletiva realizada na quinta-feira, 22, sobre a Campanha “Todos contra a Dengue”, na qual nossa equipe não pode comparecer.

BAIRROS SEM ÁGUA – Vários bairros da cidade ficam uma parte do dia sem receber água. Apesar das reclamações dos consumidores, a SAE ainda não se manifestou sobre os motivos, nem divulgou as medidas que vai tomar para resolver a situação que inferniza a vida dos moradores.

SERÁ QUE TASCA MESMO? – Tem gente duvidando da postura oposicionista do novo presidente da Câmara, Roberto Tasca. Nos dois primeiros anos do seu mandato como vereador, Tasca indicou nomes para cargos de confiança, o que deixa claro sua aproximação com a administração municipal. Se o novo presidente da Câmara tem ou não “o rabo preso”, só o tempo dirá.

SOBRAM CARGOS DE CONFIANÇA – A barganha política entre o legislativo e a administração municipal com oferta de cargos de confiança para serem indicados pelos vereadores só existe porque sobram cargos. Passou da hora do Ministério Público intervir nesse verdadeiro ralo do dinheiro público, obrigando a Prefeitura a realizar concursos e diminuir o número de cargos de confiança, acabando com essa corrupção vergonhosa.

FALTA REMÉDIO – Munícipes reclamam que continua faltando remédios nos Postos de Saúde. Até dipirona está em falta. Passou da hora do secretário André Mello dar uma explicação aos ourinhenses.

RINDO DA PRÓPRIA DESGRAÇA – Os ourinhenses estão mostrando que tem bom humor. Para reclamar dos buracos no asfalto, colocaram placas e até um espantalho. Esta semana foi criado um evento no facebook, convidando os internautas para a “1ª Oficina Intensiva de Técnicas de Desvios de Buracos nas ruas de Ourinhos”. 

SONHO MEU – O vice-prefeito Gilberto Severino nunca escondeu que queria muito ser prefeito. Tentou, tentou, mas nunca conseguiu. Como prêmio de consolação, agora se lambuza conduzindo o município durante as viagens da prefeita Belkis, realizando o sonho acalentado durante anos. A agenda do prefeito em exercício é fazer visitas acompanhado de fotógrafos, na ânsia de ver publicada a imagem nos jornais financiados pela Prefeitura.  

SUJOS E ASSOREADOS – Se houvesse conservação permanente, os lagos da Fapi, Unimed e do Royal Park não estariam sujos e assoreados como estão. São locais que poderiam ser transformados em parques para caminhadas e lazer, mas a população tem se afastado percebendo o abandono por parte da Prefeitura. E ainda comemoram o Selo Azul….

 

 

 

 

 

© 1990 - 2021 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.

×

Olá

Clique abaixo para falar conosco pelo WhatsApp ou envie um e-mail para [email protected]

×