sexta, 19 de abril de 2024

Homem que desarmou policiais e atirou neles em SP diz que ‘intenção não era matar, mas se defender’

Suspeito conta que se arrepende do ato. Dário Gabriel Costa Viveiros tem antecedentes criminais e era foragido da Justiça

 

Da redação

 

O homem que desarmou dois policiais militares e atirou neles durante uma abordagem em São Mateus, na zona leste de São Paulo, disse que sua intenção “não era matar” os dois agentes, mas “se defender” por “medo de morrer”.

Dário Gabriel Costa Viveiros, que tem antecedentes criminais por tráfico de drogas e estava foragido da Justiça, conta ainda que se arrepende do ato e que só queria “fugir e correr”.

Ele deve responder pelos crimes de duplo homicídio tentado, associação criminosa, corrupção de menor e receptação.

Dário foi preso na quinta-feira (1º), horas após o incidente, e deve responder pelos crimes de duplo homicídio tentado, associação criminosa, corrupção de menor e receptação.

De acordo com o delegado titular Evando Lemos, do 49° Distrito Policial, responsável pela investigação, Dário estava preso no Centro de Progressão Penitenciária de Mongaguá, no litoral paulista. Após uma saída temporária em 2020, ele não retornou à unidade e se tornou foragido da Justiça.

RELEMBRE O CASO – Dário e um adolescente foram abordados por dois policiais militares, na quinta-feira, 1º/6, na rua Antônio Coutinho, próximo às avenidas Ragueb Chohfi e Jacu Pêssego. Além de o homem carregar um celular roubado, os agentes descobriram que ele era procurado pela Justiça.

Fonte: #PORTAL_R7

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.