sexta, 19 de abril de 2024

Indivíduo é preso durante perseguição acusado de roubar residência em Salto Grande

Outro envolvido no assalto conseguiu fugir da polícia e ainda não foi encontrado

 

Da redação

 

Na segunda-feira, 20/3, por volta das 9h00 da manhã, policiais do 31º Batalhão de Polícia Militar do Interior prenderam em flagrante um homem por roubo à residência em Salto Grande. Um outro indivíduo que também participou da ação conseguiu fugir e ainda não foi localizado.

As equipes foram acionadas e se dirigiram para o local indicado, Rua Antônio Prado x Rua Senador Ricardo Batista. Em contato com as vítimas, dois adolescentes, eles informaram que chegaram em casa e foram surpreendidos pelos dois indivíduos, que tinham em mãos uma faca e uma tesoura, e os ameaçavam de morte.

Após pegarem alguns bens dentro da residência, uma pulseira, dois anéis e dois celulares, os criminosos fugiram.

Diante das imagens de monitoramento, os policiais visualizaram a dupla e durante as buscas foram informados de que um dos suspeitos fugiu em direção ao cemitério. Em patrulhamento pela estrada rural que liga Salto Grande à Rodovia Raposo Tavares, SP 270, pelo Viaduto Viganó, os policias visualizaram a dupla pelo campo, porém ao verem a polícia, eles fugiram por uma área pantanosa, sendo perseguidos a pé pelos militares.

Após luta corporal, os policiais conseguiram prender um dos indivíduos, no entanto o outro suspeito fugiu pulando no rio e seguindo rumo a uma área de floresta.

Detido, Luan C.O.B., também conhecido por Coringa, foi revistado sendo encontrado em seu poder os objetos roubados. Questionado sobre seu comparsa, ele informou se tratar de Mateuzinho, porém não deu maiores informações.

Ainda na residência, local do roubo, foram encontrados, próximo de um dos muros, a tesoura e a faca, que as vítimas reconheceram como as armas usadas durante o assalto.

Luan foi preso, encaminhado à delegacia de Salto Grande, juntamente com os objetos e as armas, onde foi autuado por roubo e continuou detido, à disposição da justiça, na cadeia pública de São Pedro do Turvo. O outro envolvido não foi encontrado.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.