fbpx

sexta, 24 de junho de 2022

Paraguaio abordado por não usar cinto de segurança é preso com mais de 2 toneladas de maconha em carreta

Droga foi achada em um fundo falso da carroceria durante abordagem na SP-333, em Marília (SP). Tabletes estavam envoltos em graxa para evitar serem farejados por cães. Motorista era acompanhado da mãe e uma sobrinha de 3 anos

 

Da redação

 

A abordagem a um caminhoneiro que não usava cinto de segurança acabou em uma grande apreensão de drogas em Marília (SP), nesta terça-feira (24). A Polícia Rodoviária apreendeu 2.381,50kg em 2.160 tabletes de maconha que estavam escondidas em um fundo falso da carroceria de uma carreta dirigida por um paraguaio.

Segundo a polícia, a abordagem aconteceu no km 322 da Rodovia Dona Leonor Mendes de Barros (SP-333).

 

 

Além disso, dois dos eixos estavam suspensos e a carreta aparentemente estava descarregada. Policiais seguiram a carreta com placas do Paraguai e fizeram a abordagem logo em seguida.

Inicialmente, o motorista alegou que pegou o caminhão em Foz do Iguaçu (PR) e que seguiria até Uberaba (MG) para pegar um carregamento de gesso. O homem apresentou nervosismo que chamou a atenção da polícia.

 

 

Durante as buscas, os policiais localizaram um fundo falso onde estava a droga. Os tabletes estavam envoltos em graxa para disfarçar o cheiro da maconha e, assim, evitar ser farejado por cães.

A ocorrência foi encaminha para a Polícia Federal (PF) e o motorista detido em flagrante por tráfico de drogas. Além dele, estavam na carreta a sua mãe e uma criança de 3 anos, que foram liberadas.

 

© 1990 - 2021 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.