segunda, 27 de maio de 2024

Polícia prende homem que tentava enviar pacotes de maconha sintética pelos Correios em Marília

Suspeito foi detido em flagrante quando tentava despachar sete pacotes com porções da droga. Segundo a Polícia Civil, esse tipo de entorpecente tem alto valor. Justiça concede liberdade provisória ao suspeito.

 

Da redação

 

A Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes (Dise) prendeu um suspeito de tráfico de drogas que enviava porções de maconha sintética pelos Correios.

 

Suspeito tentava enviar a droga pelos Correios em Marília — Foto: Giro Marília/ Divulgação

 

O homem foi preso em flagrante quando tentava despachar sete pacotes da droga para diferentes regiões do Brasil nesta terça-feira (15).

Em cada pacote foram apreendidos quatro pequenos tijolos. Durante buscas na casa do suspeito mais entorpecentes e uma balança foram encontrados. Segundo a Polícia Civil, a maconha sintética tem alto valor no mercado.

 

Porções de maconha sintética foram apreendidas com o suspeito em Marília — Foto: Polícia Civil / Divulgação

 

Nesta quarta-feira (16), ao analisar a prisão em flagrante, e diante da suspensão das audiências de custódia por causa da pandemia, a juíza Thais Feguri Krizanowski Farinelli, da 2ª Vara Criminal de Marília, concedeu a liberdade provisória ao suspeito, sem pagamento de fiança.

Na decisão, a magistrada definiu as condições da liberdade provisória, que incluem a proibição do suspeito de se ausentar da cidade por período superior a oito dias e comparecimento perante a autoridade todas as vezes que for intimado. O descumprimento das medidas resultará na decretação de prisão preventiva.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.