quinta, 18 de abril de 2024

1° Fórum pela Inclusão em Ourinhos reúne grande público no Sest/Senat

Evento promoveu debates e palestras sobre conscientização, desafios e ações voltadas à importância da inclusão de pessoas com deficiência na sociedade

 

 

 

Marcília Estefani

 

 

Aconteceu em Ourinhos, na quinta-feira, 29 de junho, o 1º Fórum pela Inclusão: Reflexões e Perspectivas, que reuniu no auditório do Sest/Senat diversas autoridades e especialistas que proporcionaram importantes reflexões sobre o tema. O evento foi encerrado com chave de ouro pela palestra motivacional de Tiago Link – que nasceu sem os braços e pernas.

Anísio Felicetti, Fábio Manfrinato, Vera Lúcia Ferreira, Robson Sanches

A iniciativa inédita em Ourinhos contou com a presença de diversos Secretários, do Legislativo, do ex-vereador de Bauru/SP, Fábio Manfrinato, representantes de entidades como a APAE de Ourinhos, Associação dos Deficientes Físicos – AADF, Associação Amigos dos Surdos Ourinhos e Região – ASO e da AMEI – Associação Mariliense de Esportes Inclusivos de Marília.

Foram propostas importantes reflexões dando à luz ao tema, trazendo novas perspectivas e projetos para ampliar o plano de inclusão no município onde, segundo a Secretaria de Estado da Pessoa com Deficiência, existem 10 mil pessoas com deficiência, das quais 49% com deficiência visual, 31% motora, 15% auditiva e 14% intelectual.

O Prefeito Lucas Pocay fez a abertura do Fórum acolhendo a todos os presentes, e falou da importância deste momento para a população de modo geral, que promove reflexões e perspectivas para o futuro, olhando o trabalho já realizado, lembrando que Ourinhos avança muito em meio aos outros municípios em relação à elaboração e ações de inclusão na cidade e já é referência em todo o estado.

Prefeito Lucas Pocay fez a abertura do evento

“Buscamos trazer pro centro da discussão, do debate e para as ações, àqueles que estavam marginalizados socialmente, para que pudessem ser inseridos e se sintam parte da sociedade, e a partir daí desenvolvermos políticas públicas pra essa comunidade, pra esse segmento, fazendo desta maneira uma gestão de todos, uma cidade de todos, onde um vai ajudando o outro dentro de suas deficiências, suas limitações e capacidades”, disse o prefeito.

O Secretário de Governo Caio Lima lembrou o início do trabalho focado na inclusão, que começou em 2017 e hoje dá muitos frutos.

Caio Lima é Secretário de Governo de Ourinhos

“O trabalho que iniciou em 2017 hoje dá muito fruto, e qual é o fruto desse trabalho? É ser campeão? Não… é muito maior do que isso, o fruto do trabalho que começou em 2017 é mudar a vida das pessoas com deficiência. É este o trabalho que nós temos feito, e visto de perto a vida de muitas pessoas com deficiência sendo transformadas”.

Vera Lúcia Ferreira, presidente da FEAPAES – Federação das APAEs do Estado de São Paulo, destacou a importância de iniciativas como esta, visando a conscientização, envolvimento das famílias, inclusão e principalmente a luta pelos direitos da pessoa com deficiência.

Vera Lúca Ferreira é Presidente da FEAPAEs

O Secretário de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Marcos da Costa, marcou presença e agradeceu o prefeito pela oportunidade, parabenizou a iniciativa, caracterizada pelo momento de reflexão que mostra a preocupação da gestão, em fazer com que tudo o que Ourinhos oferece seja acessado por pessoas com e sem deficiências.

“É um momento de reflexão, discussão, de verificar quais barreiras impedem que o cidadão com deficiência, seja visual, motora, intelectual, auditiva, impedem a pessoa de exercer a cidadania de forma plena e poder trabalhar para eliminação dessas barreiras”, disse Marcos da Costa, destacando que a Secretaria tem atuado para garantir os direitos e levar dignidade a todas 3,4 milhões de pessoas com deficiência que vivem no Estado de São Paulo”.

Marcos Costa é Secretário de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência

A iniciativa, segundo o secretário, reflete em diversas frentes, nas áreas de saúde, educação, esportes, mulheres, trabalho e outros eixos focados em ações voltadas à inclusão do público portador de deficiência.

A coordenadora do programa TODAS in-Rede da SEDPcD, Caroline Reis, foi uma das palestrantes do evento e reforçou a relevância da atuação da pasta estadual voltada às mulheres com deficiência.

“O TODAS in-Rede trabalha no empoderamento e liderança da mulher e está presente em todo o estado. A cidade de Ourinhos também está contemplada no programa por meio de cursos voltados aos profissionais que atuam na rede de proteção às mulheres. O curso capacita esses profissionais para que recebam as mulheres com deficiência com o amparo e atenção necessários, dessa forma garantindo que seus direitos sejam respeitados”, frisou Carolina.

Carolina Reis é coordenadora do programa TODAS in-Rede da SEDPcD

No período da tarde, o Fórum apresentou uma palestra com a Doutora Ellen Manfrin, neuropediatra e neurofisiologista, que dividiu com uma grande plateia composta por muitos educadores e profissionais da área, seu conhecimento sobre o autismo, interagindo e respondendo dúvidas dos participantes.

O palestrante Tiago Linck encerrou com chave de ouro o 1º Fórum pela Inclusão de Ourinhos, com uma palestra motivacional que marcou a vida dos presentes, com exemplos de superação, perseverança e felicidade.

Tiago “Sem braços, sem pernas e sem Limites”, tem 15 anos e nasceu sem os membros superiores e inferiores, supostamente devido à síndrome Tetra-Amelia. Seu nascimento mudou a vida da família, porém o menino leva uma vida normal: vai à escola com sua irmã gêmea Daiana, tem amigos, realiza palestras motivacionais e demonstra a partir do seu dia a dia, que é possível acreditar e nunca desistir.

O palestrante veio acompanhado dos pais e das duas irmãs, e a família por si já deixa uma mensagem de união, de aceitação e amor que enchem o coração de quem os conhece. Eles compartilharam com o público um pouco de suas histórias de vida, superadas sempre com muita fé.

Entre diversas citações e frases de entusiasmo, Tiago finalizou dizendo: “Nós temos pouco tempo para viver, por isso eu quero receber o que Deus me deu e partilhar com todos vocês para que façam o mesmo, olhem para dentro de si e percebam que a mudança começa em vocês, o que passou, passou, não podemos mudar, mas ainda assim podemos sempre recomeçar e lembrem-se: se o Thiago sem braço e sem pernas pode vocês também podem!”.

O evento foi prestigiado por grande público, tanto no período da manhã quanto a tarde

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.