terça, 18 de junho de 2024

Alunos e comunidade participam de soltura de peixes

Da redação

Crianças da rede pública de ensino, pescadores e membros de comunidades próximas ao Rio Paranapanema participaram, nesta semana, de atividades de conscientização ambiental promovida pela Duke Energy. A ação contemplou as cidades paulistas de Paranapanema e Angatuba, e a paranaense Siqueira Campos (PR). Ao todo foram soltos 300 mil peixes jovens de espécies nativas.

Conforme o analista de Meio Ambiente da Duke Energy, Luis Augusto Perino, o trabalho com os alunos e comunidade é mais uma das atividades ambientais que a concessionária promove nas localidades vizinhas aos seus empreendimentos. “Essas ações são muito importantes, pois envolvem as pessoas no contexto de conscientização e responsabilidade individual no cuidado com o meio ambiente”, enfatiza.

No município de Paranapanema, a soltura de peixes foi realizada na terça-feira (10), com a participação de 50 estudantes. Na represa Jurumirim foram soltos 100 mil pacus. “As crianças são multiplicadoras de informações, por isso é muito válido esse trabalho de conscientização que é feito também através das palestras”, acrescenta Perino.

Além disso, cada estudante recebeu um gibi com informações sobre as espécies e sua importância para o repovoamento do rio.

Ainda na represa de Jurumirim, técnicos da companhia fizeram mais uma soltura de 100 mil alevinos da espécie curimbatá, no município de Angatuba. Nesta cidade a iniciativa ocorreu na quarta-feira (11) e contou com a participação de pescadores. “Essa atividade é fundamental para ampliar o estoque pesqueiro da região. E, compreendendo isso, os pescadores se envolveram na soltura com muito gosto, uma vez que a medida influencia diretamente o trabalho deles”, destaca Perino.

Por fim, a última cidade contemplada neste primeiro lote foi Siqueira Campos, na quinta-feira (12), com a soltura de 100 mil pacus. Nesta também houve a interação de estudantes, membros da comunidade local e proprietários de casas de veraneio.

“Esse tipo de ação é um estímulo para a nossa cidade que é referência turística pelos atrativos naturais, entre eles a pesca. Ao envolver a comunidade na soltura de peixes, nós incentivamos a todos para que nos ajudem na preservação ambiental, cuidando da represa e apoiando o poder público nos trabalhos de fiscalização”, declara o diretor de Meio Ambiente e Recursos Naturais de Siqueira Campos, Alisson dos Santos Pereira.

Ele lembra que o município já foi beneficiado com outras iniciativas semelhantes da Duke Energy e vem colhendo os frutos desse investimento ambiental. “Não se tratam apenas de solturas de peixes. Esse é um projeto que desperta nas crianças e adultos o amor pela natureza e a conscientização dos benefícios que ela nos traz, tanto da perspectiva ambiental como da econômica, quando oferecemos aos nossos visitantes e turistas um local preservado e bem cuidado”, conclui.

Manejo Pesqueiro – O Programa de Manejo Pesqueiro da Duke Energy foi implantado em 1999 e, até hoje, mais de 22 milhões de alevinos foram colocados no Rio Paranapanema. Nas ações são priorizadas espécies nativas como pacu-guaçu, curimbatá, piracanjuba, piapara, piava-três-pintas e dourado – todas importantes para a economia e cultura de pesca local, tanto amadora, como profissional.

Sobre a Duke Energy – Há 15 anos a Duke Energy Geração Paranapanema S.A. – subsidiária da Duke Energy Corp, maior companhia do setor energético dos Estados Unidos – atua na produção e comercialização de energia elétrica por meio da administração de oito usinas hidrelétricas instaladas ao longo do Rio Paranapanema: Jurumirim, Chavantes, Salto Grande, Capivara, Taquaruçu, Rosana, Canoas I e Canoas II (estas últimas, operadas em consórcio com a Companhia Brasileira de Alumínio – CBA). Com capacidade total instalada de 2241 MW, a companhia é considerada uma das maiores geradoras privadas do País, de acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), respondendo, aproximadamente, por 2% da energia total produzida no Brasil.

 

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.