sexta, 24 de maio de 2024

Em parceria com a Prefeitura, Sebrae promoverá Semana do Microempreendedores Individuais

Da redação

Aconteceu na última quinta-feira, 26, uma reunião no gabinete da prefeitura envolvendo membros do Governo Municipal, representantes da ACE (Associação Comercial e Empresarial), AIOR (Associação das Indústrias de Ourinhos e Região) e SEBRAE para tratar de mais uma edição do Semana do Microempreendedor Individual.

Participaram da reunião a prefeita Belkis Fernandes, os secretário municipal de Desenvolvimento Econômico José Claudinei Messias, o presidente da ACE Diógenes Corrêa Leite, e o Gerente do Escritório Regional do SEBRAE Ourinhos-SP Wilson Nishimura. Também estiveram presentes representantes da secretarias municipais de Planejamento e Finanças, Assistência Social e Banco do Povo.

A Semana do Microempreendedor Individual acontecerá do dia 13 a 18 abril. Nos dias 13 e 14, 04 unidades móveis do SEBRAE estarão disponíveis, representantes da prefeitura municipal, banco do povo e SEBRAE farão atendimento para os microempreendedores individuais.

A mesma ação foi realizada no ano passado, em dois dias de foram realizados 295 atendimentos. Segundo o Gerente do SEBRAE-SP Wilson Nishimura a meta é superar o número de atendimentos realizados no último ano.

“Haverá orientação para melhoria de gestão e emissão de boletos para pagamento de impostos. Também faremos um trabalho de sensibilização para empreendedores que ainda não tiveram a situação legalizada”, explicou.

De acordo com a prefeita Belkis é importante incentivar a formalização dos pequenos empreendedores. “A formalização dos negócios, contribui para o município. Logo, aumenta a receita e nós teremos mais recursos para empregar tanto na infraestrutura quanto nas políticas sociais. Além disso, o mais importante é a garantia dos direitos previdenciários destes profissionais”, destacou.

O secretário de desenvolvimento econômico ressaltou que esta ação irá abranger o máximo de pessoas que tenham negócio próprio, entre artesãos, pedreiros, cabeleireiros, manicures, etc.

“Nosso objetivo é inserir no mercado formal todas as pessoas que são microempreendedores individuais que não tenham sua regularização junto a administração pública municipal. São diversas vantagens que estas pessoas terão com a regularização”, informou Messias.

A ação deste ano contará também com a participação do Fundo Social de Solidariedade e da Secretaria Municipal de Assistência Social, através dos CRAS – Centro de Referência da Assistência Social, que possui quatro unidades em Ourinhos e que farão levantamento e encaminhamento daqueles profissionais que ainda não aderiram ao MEI, entre eles pedreiros, encanadores, eletricistas, manicures, cabeleireiras, jardineiros, entre outros.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.