sábado, 20 de abril de 2024

Ourinhos é a 2ª melhor cidade no Estado com alto Índice de Sustentabilidade da Limpeza Urbana

A informação foi divulgada pelo SELUR – Sindicato das Empresas de Limpeza Urbana no Estado de São Paulo

 

Da redação

 

Edição recente do Índice de Sustentabilidade da Limpeza Urbana 2022 aponta a cidade de Ourinhos como a 2ª melhor cidade no Estado de São Paulo com um alto índice de Sustentabilidade da Limpeza Urbana. O estudo é fruto da cooperação técnica entre a PricewaterhouseCoopers (PwC) e o Sindicato Nacional das Empresas de Limpeza Urbana (SELURB).

A pesquisa foi elaborada com base nos dados fornecidos por fontes públicas como Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS); Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR); Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro (Siconfi); Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD/ONU).

O Índice de sustentabilidade da Limpeza Urbana (ISLU) é uma ferramenta estatística que tem como principal objetivo mensurar o grau de aderência dos municípios brasileiros às diretrizes e metas da Lei Federal nº 12.305/10 – Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), que sinaliza para o mundo que o Brasil, a exemplo de outras nações, está empenhado em buscar soluções para a gestão adequada da limpeza urbana e o manejo de resíduos sólidos.

O estudo classifica os municípios dentro de uma pontuação e Ourinhos ficou dentre as 167 cidades (4% do total de municípios avaliados) na faixa “alta” de classificação, que se apresenta da seguinte forma:

– 3.195 municípios (71%) se classificou como faixa “muito baixa”

– 775 municípios (17%) na faixa “baixa”.

– 342 municípios (8%) na faixa “média”.

– 167 municípios (4%) na faixa “alta”.

1 município (0,02%) na faixa “muito alta”.

 

De acordo com a avaliação do Estado de São Paulo, Ourinhos obteve índice de 0,754% e se posiciona atrás apenas da cidade de Rinópolis com 0,766%.

O resultado se deve a nova realidade que a o município ourinhense vive e com decisões importantes da atual gestão no que diz respeito a criação da Central de Transbordo como solução para a destinação adequada dos resíduos após o esgotamento do aterro sanitário local, além da transferência da coleta para a Prefeitura, com a reorganização do serviço e a disponibilização de contêineres em locais estratégicos, que contribuem para evitar o acúmulo de lixo nas ruas.

A cidade também tem investido em ações educativas, conscientização e modernização dos serviços, com a criação de aplicativos e atendimento digital para facilitar a interação com os cidadãos.

De acordo com o Prefeito Lucas Pocay, a administração planeja a criação de ecopontos, recuperação de nascentes, projetos especiais de coleta seletiva e a continuidade dos projetos já implementados, buscando aprimorar ainda mais a sustentabilidade da limpeza pública.

Mais informações sobre a pesquisa, bem como todos os municípios participantes do Brasil e as devidas classificações estão disponíveis através do link https://selur.org.br/wp-content/uploads/2022/10/ISLU-2022a.pdf

 

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.