sexta, 01 de março de 2024

Mais de 1400 focos de dengue foram encontrados em três meses

Até a quinta-feira, 2 de abril, Ourinhos contabilizava 563 casos da doença

 

Da redação

 

No primeiro trimestre do ano, a equipe de vigilância epidemiológica da Secretaria de Saúde, encontrou durante as visitações mais de 1.400 focos de dengue em quintais e dentro das residências da cidade.

Só neste período de janeiro a março foram feitas mais de 40 mil visitas domiciliares para verificação de focos do mosquito, nebulizados mais de 5 mil imóveis, além da destruição dos criadouros encontrados.

O trabalho de combate à dengue segue paralelo as estratégias de enfrentamento ao novo coronavírus, que tem sido realizado mesmo em isolamento social. Dados da pasta mostram que o número de casos de dengue na cidade tem subido significativamente. Até a quinta-feira, 2 de abril, Ourinhos contabilizava 563 casos da doença.

O diretor de vigilância em saúde, Robert da Costa, lembra que 90% dos focos encontrados em Ourinhos estavam dentro de residências e quintais. Ele ressalta que a dengue é o mosquito transmissor de outras arboviroses urbanas.

“O trabalho não pode parar, mas precisamos que a população faça a sua parte verificando os quintais. Todo o cuidado com o covid-19 é válido, mas não podemos esquecer do mosquito, porque ele não esquece de nós.”

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.