sexta, 01 de março de 2024

Morre em Bauru, Amauri Gomes, Engenheiro Agrônomo Chefe da Casa da Agricultura de Ourinhos

O profissional era responsável pelos atendimentos aos produtores rurais de Ourinhos, Canitar, Chavantes e outros municípios

 

Da redação

 

O Engenheiro Agrônomo Amauri Gomes, 64 anos, faleceu na cidade de Bauru, no sábado 24 de outubro, devido a problemas de saúde. Seu sepultamento ocorreu no mesmo dia, em sua cidade natal, Lençóis Paulista.

O engenheiro, formado em 1978 pela Faculdade de Ciências Agronômicas – UNESP (1978), com especialização em Administração Agroindustrial pela Universidade de Ribeirão Preto (1995) e mestrado em Energia na Agricultura pela Faculdade de Ciências Agronômicas (2008) UNESP-Botucatu-SP em sua segunda passagem pela agora Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável, antiga CATI, totalizando 20 anos a serviço do Estado, estava à frente da Casa da Agricultura de Ourinhos há 11 anos.

 

Engenheiro Agrônomo Amauri Gomes, 64 anos, faleceu na cidade de Bauru

 

Era responsável pelos atendimentos aos produtores rurais de Ourinhos, Canitar, Chavantes e outros municípios, articulador das Maquetes das Microbacias da FAPI/Ourinhos durante vários anos, engajado nas informações técnicas das principais culturas agrícolas regionais, entre elas cana de açúcar, milho, soja e eucalipto.

Fez ainda inúmeros levantamentos agropecuários, emissão de documentos aos produtores e orientação do Cadastro Ambiental Rural, articulador de políticas públicas, entre elas Horta Educativa, Programa Nacional de Alimentação Escolar no município de Ourinhos, Campanha de recolhimento de embalagens vazias de agrotóxico, orientador de estagiários, organizador de cursos e palestras, membro dos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Rural e de Defesa do Meio Ambiente. Também era instrutor em Cursos de Formação Profissional – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural /SP.

 

Foi articulador das Maquetes das Microbacias da FAPI/Ourinhos durante vários anos

 

Descrito pelos colegas de trabalho como uma pessoa colaborativa, que sempre buscou priorizar o atendimento aos pequenos e médios produtores de Ourinhos e região, sempre se preocupou em promover a esses produtores rurais a melhor produtividade em suas atividades agropecuárias.

Os produtores rurais sempre o procuravam sabendo que teriam seu atendimento realizado através dos serviços de Extensão Rural oferecidos na Casa da Agricultura.

Sempre que possível, o Engº Agrº Amauri priorizava que esse atendimento fosse realizado na propriedade rural, para que as informações repassadas fossem as mais reais dentro das condições de cada produtor e da sua propriedade, de forma a ter sempre os melhores resultados de produtividade.

Com certeza é uma grande perda para toda a região, que tinha nesse profissional a confiança dos produtores rurais no comprometimento de levar às nossas mesas um alimento saudável de forma a gerar saúde às famílias e movimentar a economia a toda a região.

 

(Por Mauricio Barbosa da Secretaria de Agricultura e Abastecimento de São Paul

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.