fbpx

sexta, 24 de junho de 2022

Ourinhense conquista medalha de ouro em olimpíada internacional de matemática

O aluno, que no ano passado conquistou a mealha de prata, disse que “se esforçou muito” para conquistar a medalha

 

Da redação

 

Depois de ter conquistado a medalha de prata na olimpíada “Canguru de Matemática” em 2021, Nicolas Oliveira, de apenas 11 anos, morador de Ourinhos, se superou e neste ano trouxe para casa o ouro, fruto de muito esforço, segundo o estudante.

O garoto é estudante de uma escola particular em Ourinhos e cursa atualmente o 6º ano do ensino fundamental. As inscrições para participação na olímpiada tiveram início em dezembro de 2021, as provas aconteceram em março de 2022 e as premiações ocorreram neste mês de junho.

 

Nicolas Oliveira tem 11 anos e garantiu o ouro na olimpíada ‘Canguru de Matemática’ (Imagem Arquivo pessoal)

 

O Concurso Canguru de Matemática é uma competição anual internacional destinada aos alunos do 3º ano do Ensino Fundamental I à 3ª série do Ensino Médio. A competição teve origem na França e é administrada globalmente pela Associação Canguru sem Fronteiras (Association Kangourou sans Frontières – AKSF).

Presente em mais de 80 países, a olimpíada conta com uma prova baseada em raciocínio lógico, sendo dividida em níveis, nos quais os mais de seis milhões de alunos espalhados pelo mundo testam o seu conhecimento na área. Nicolas agora faz parte de um grupo de 1% dos melhores colocados da prova.

 

Nicolas com os pais, Flávia Oliveira e Claudemir Silva

 

No colégio Coc em Ourinhos, onde Nícolas estuda, 91 alunos aceitaram participar da prova. Além do ouro, mais sete estudantes também tiveram grande êxito nas provas. Ana Júlia Costa dos Reis do 9º ano, medalha de prata, Joaquim de Mello Chiaradia, 8ºano, medalha de prata, Guilherme Campos Pereira, 9º ano, medalha de bronze, Murilo Godinho de Lima, 7º ano, medalha de bronze, Ana Júlia Fernandes de Camargo, 6º ano, medalha de bronze, Manuela Bartholo Potenza, 6º ano, medalha de honra ao mérito, Pedro Henrique Garcia Lopes, 8º ano, medalha de honra ao mérito.

 

OBJETIVOS DO CONCURSO CANGURU DE MATEMÁTICA:

– Ampliar e incentivar a aquisição dos conhecimentos matemáticos;

– Contribuir para a melhoria do ensino e aprendizagem da Matemática em todos os níveis;

–  Favorecer o estudo de maneira interessante e contextualizada, aproximando os alunos do universo da Matemática;

– Desenvolver a capacidade dos alunos de obter realização e satisfação através da atividade intelectual.

 

Segundo a diretora do colégio em que Nicolas estuda, Nilva Elena Borges, o ensino fundamental I e II são priorizados e as provas estão divididas, sendo quatro para o ensino fundamental e duas para o ensino médio.

As provas são preparadas por um seleto grupo de professores que discutem o ensino da matemática e preparam as provas que serão aplicadas nos países participantes. A finalidade é promover a divulgação da matéria por todos os meios ao seu alcance e, com a realização do concurso, motivar milhares de alunos pelo mundo.

© 1990 - 2021 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.