quarta, 17 de abril de 2024

Pais de Alicia doam órgãos da menina que morreu após inalar fumaça de incêndio enquanto dormia

O próprio pai confirmou o falecimento da filha e comunicou a doação que beneficiou várias pessoas

 

 

Marcília Estefani

 

Na sexta-feira, 3/2, faleceu na Santa Casa de Misericórdia de Ourinhos, a menina Alicia Indéu da Costa, de 5 anos, que estava há 10 dias internada na UTI, após inalar grande quantidade de fumaça tóxica devido a um incêndio que atingiu seu quarto enquanto dormia. Segundo a família ela teve morte encefálica.

Na noite do incêndio, Cleyson Gouvea Costa, pai da menina, acordou durante a madrugada e ao sentir o cheiro forte de fumaça, correu para o quarto da filha e a retirou para fora da casa, gritando por socorro. Porém, Alicia não resistiu aos graves problemas de saúde causados pela fumaça que inalou.

O próprio pai confirmou o falecimento da filha e deixou em sua rede social uma mensagem de agradecimento a todos que estiveram unidos em orações com a família e contou que os órgãos da menina foram todos doados.

“Venho agradecer as orações os apoios, cada palavras de carinhos e incentivos, mas hoje com muita dor no coração venho falar que nossa princesa Alicia, a menina que cativava todos, infelizmente foi morar com Deus, e quero reforçar que ela vai viver não só em nossos corações, mas também vai dá muita alegria para as pessoas, e cada uma dela vai ganhar uma parte da alicia, pois fizemos as doações dos órgãos dela, e irá salvar muitas família, igual ela salvou a nossa…. Deus abençoe a todos. boa noite (sic).

Durante todos os dias, uma corrente de orações se formou pela recuperação da criança, que foi sepultada no domingo, 5, no Cemitério Municipal de Ourinhos, sob homenagens e forte comoção.

Nas redes sociais, o tio Fernando Galdino publicou um vídeo em que agradece pelas orações e conta que a sobrinha faria 6 anos no dia 10 de junho.

“Mais uma vez, em um ato heroico, os pais autorizaram a doação de órgãos. Ela vai viver em muitos corpos. O coração dela vai viver em uma criança, as córneas vão viver em outro, enfim. Tudo o que for possível aproveitar, será aproveitado. Os órgãos podem ir para qualquer lugar do país”, disse no vídeo.

 

 

DOAÇÃO DOS ÓRGÃOS – O Aeroporto Municipal Jornalista Benedito Pimentel, recebeu no sábado, 4, um avião da FAB (Força Aérea Brasileira), comandado pelo Ten. Lukas Corrêa do Valle, que realizou a operação de transporte dos órgãos da pequena Alícia.

A operação de transporte foi acompanhada pelos pais da menina, Cleyson e Monique Indéu. Uma equipe da Santa Casa de Misericórdia também acompanhou todo o processo. O avião fez escala em São Paulo, onde deixou os órgãos.

 

PreviousNext

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.