quarta, 22 de maio de 2024

Projeto Orquestra Santa Cruz impacta na melhora do comportamento dos integrantes

Da redação

Levar cultura através da música não é o único objetivo do projeto Orquestra Santa Cruz. Iniciado há cinco meses, os responsáveis já conseguem medir melhora no comportamento e disciplina das 30 crianças e adolescentes.

“É notável a disciplina que se consegue propor através da música. É lógico não deixam de ter a essência de crianças e adolescentes, mas aprendem a respeitar e ter compromisso”, destacou o técnico e artístico do projeto, professor José Magali Junqueira.

O projeto também cria a noção de companheirismo e união. Isto porque muitos dos alunos que apresentam melhor desempenho se prontificam a ajudar no aprendizado dos iniciantes ou então daqueles com alguma dificuldade no aprendizado. Maria Eduarda dos Santos, 14, é um exemplo. Com delicadeza e paciência, ela ajudou os amigos no ensaio da última terça-feira (16). “É sempre bom ajudar o próximo e desta forma conseguiremos fazer ainda melhores apresentações”, justifica o ato.

A Orquestra serve ainda para a descoberta de novos talentos e a percepção da necessidade de muita disciplina quando o assunto são os instrumentos de corda. Lorena Ferdin da Rosa de apenas 11 anos, compreendeu da importância da dedicação para obter bons resultados. Apaixonada pelo violino, ela revela que não fica apenas nos três ensaios realizados semanalmente, mas que treina diariamente em casa. “Vou até a casa na minha prima que também participa e juntas tiramos letras da internet”, comenta.

No sétimo ano do ensino fundamental, Lorena pensa em investir na carreira profissional na música. 

Os integrantes se preparam para apresentações futuras com os instrumentos de corda: violino, viola clássica, violoncelo e contrabaixo. A próxima esta marcada para o dia 1º de março, no Fórum, às 18h.

Os ensaios são realizados todas as terças e sextas, em duas turmas- das 16h às 18h e das 18h às 20h- com ensaio geral aos sábados, das 9h às 12h. 

O projeto foi viabilizado na categoria especial por meio do Proac (Programa de Ação Cultural). O programa garante a isenção de 3% do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) às empresas que investirem em projetos culturais. 

 

Legenda das Fotos

Dedicada, Lorena ensaia diariamente com o violino

Maria Eduarda ajuda companheiros na leitura das partituras

Alunos se preparam para as apresentações futuras

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.