sábado, 22 de junho de 2024

SAMU pode fechar por situação crítica da Prefeitura em final de gestão de Belkis

Da redação

Faltando cerca de um mês para o término do mandato da prefeita Belkis Fernandes (PMDB), a situação crítica da Prefeitura pode trazer mais um grande prejuízo à população, ver fechar o SAMU.

Devido a uma administração desastrosa, considerada a pior prefeita da história de Ourinhos, que deixou a prefeitura sem recursos, a administração Belkis pode não ter dinheiro nem mesmo para manter o SAMU.

Fontes apontam que o serviço pode passar a fazer parte da regional de Assis para que outros municípios da região, que também necessitam do SAMU, não sejam tão prejudicados. 

Na semana passada, o prefeito eleito de Ourinhos, Lucas Pocay (PSD) participou de reunião na UMMES (União dos Municípios da Média Sorocabana) com os prefeitos eleitos da região, com o objetivo de reverter a situação. 

“Manter o SAMU funcionando é muito importante para Ourinhos e toda a região, que tem tido um serviço de qualidade no salvamento de vidas. Estamos trabalhando para que o SAMU não seja fechado, assim como os demais prefeitos das cidades da região também estão imbuídos nesse esforço”, explicou Lucas Pocay.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.