sexta, 19 de abril de 2024

Polícia Militar prende homem traficante de drogas na vila Recreio em Ourinhos

Rapaz escondia porções entre entulhos de árvores e mato para dificultar a ação da policial

 

Da redação

 

Na noite da sexta-feira (26/5), equipe do Tático Comando do 31º Batalhão de Polícia Militar do Interior, durante patrulhamento prendeu um homem em flagrante delito pela prática de tráfico de drogas. Na ação, foi aprendida cocaína e dinheiro.

 

 

A ocorrência foi registrada na Rua Narciso Migliari, Vila Nova Sá, onde E.G.F., 28 anos, foi flagrado pelos policiais entregando algo para um outro indivíduo, que imediatamente guardou o que recebeu no bolso e atravessou a rua, se evadindo do local.

Já conhecido nos meios policiais pelo seu envolvimento com o tráfico, E. foi abordado e com ele encontrado R$ 48,00 e um aparelho celular.

Em posse de denúncias de que o rapaz costuma esconder porções de drogas entre entulhos de árvores e mato para dificultar a ação da polícia, os militares voltaram com o suspeito no local onde ele estava agachado, onde encontraram duas porções de cocaína embaladas em plástico, uma delas ainda em estado bruto.

O rapaz assumiu a propriedade das drogas, foi encaminhado à CPJ, onde foi autuado em flagrante pelo tráfico de drogas e logo após foi transferido para a Cadeia Pública de São Pedro do Turvo, onde ficou a disposição da justiça.

 

POLÍCIA MILITAR PRENDE HOMEM POR TRÁFICO DE DROGAS EM SALTO GRANDE – Na madrugada de sexta-feira (26/5), policiais do 31º Batalhão de Polícia Militar do Interior, abordaram no município de Salto Grande, um ciclista que trazia nas vestes R$ 96,00, celular Samsung e trinta e uma porções de crack embaladas e prontas para a venda.

 

 

Identificado por Marcos A., 44 anos, já conhecido nos meios policiais, foi abordado por volta de 3h da manhã na Rua João Nóbrega, Vila São Paulo.

Diante dos fatos, o indivíduo foi preso em flagrante, levado para a CPJ de Ourinhos e posteriormente à Cadeia de São Pedro do Turvo, onde permanecendo à disposição da justiça.

© 1990 - 2023 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.