fbpx

sexta, 19 de agosto de 2022

Rádio Melodia FM completa 24 anos de serviços dedicados a Ourinhos e região

Marcília Estefani

 

A Rádio Melodia FM 106.1 comemora neste mês de outubro de 2021, 24 anos de história em Ourinhos, com uma programação musical diferenciada, levando sempre uma palavra de esperança aos seus ouvintes, além de informação e entretenimento.

A emissora iniciou seus trabalhos no dia 25 de outubro de 1997, através da iniciativa de Inácio J.B.Filho, que considera o empreendimento “um projeto de Deus” para a cidade. Era instalada na época em cima da Quitanda Maringá e, segundo seu fundador, possuía apenas 40 cds, um mixer, um microfone, uma antena e um transmissor.

No ano 2000, com a ajuda do ex-prefeito Toshio Misato e deputado Neuton Lima, oficializou-se como emissora Educativa

 

A Rádio Melodia existe mesmo porque é um projeto de Deus e não um projeto humano, naquela época, abrir uma rádio comunitária era até um motivo de cadeia, nós passamos uma crise muito grande na época, com a polícia federal lacrando muitas emissoras, um período de perseguição porque nós não tínhamos documentação, então como qualquer outra empresa tivemos muitos momentos difíceis, mas também felizes”, conta Inácio.

Segundo Inácio, a Rádio Melodia é uma fundação sem fins lucrativos, administrada por uma diretoria, a qual Luiz Alberto de Melo é diretor superintendente

 

REGULARIZAÇÃO DA EMISSORA – No ano 2000, com a ajuda do ex-prefeito Toshio Misato e deputado Neuton Lima, oficializou-se como emissora Educativa, a única em um raio de 120km e atualmente, com a ajuda do Deputado Vicentinho, conseguiu a renovação de sua concessão por mais 10 anos.

Segundo Inácio, a Rádio Melodia é uma fundação sem fins lucrativos, administrada por uma diretoria, a qual Luiz Alberto de Melo é diretor superintendente, tem Silvio Ferreira como diretor de programação, Marli Matos como diretora financeira, além de conselheiros.

Para ser fundada passou pelo crivo da promotoria de Ourinhos, hoje tem vida própria, estrutura financeira própria, porém seus bens são patrimoniados em nome da entidade, se um dia ela se dissolver, seus bens têm que ser doados a uma entidade congênere ou assemelhada. Nenhum diretor pode tomar posse de seus bens”, conta Inácio.

Luiz Alberto, Cainã e Inácio

 

O fundador da rádio explica ainda que hoje ele é apenas um voluntário da emissora, e que em 2012 se afastou da diretoria da rádio definitivamente. “Eu continuo com o meu programa musical evangélico, o primeiro da rádio, desde o princípio exibido todos os dias às 17h00, e hoje presto serviço voluntário de assessoria na área jurídica e estou à disposição para o que precisar, acho que devo isso à rádio”.

 

DIFICULDADES – Inácio relembra um momento que marcou a trajetória da emissora, que gerou grandes dificuldades financeiras e constrangimento pessoal. “Em 1998 quando fomos fechados pela Polícia Federal foi uma vergonha, porque éramos rádio pirata, considerado um crime, e através da denúncia de um colega de rádio, que depois se tornou meu amigo, hoje já falecido, a polícia fechou a rádio por 15 dias, e durante uma semana eu ia pra Marília, na sede da PF, duas vezes por dia falar com o delegado, pedir pra me devolver o transmissor, até que conseguimos uma liminar e voltamos (…) foi um período muito difícil, rádio fechada, sem faturamento, aluguel vencendo, colaboradores precisando receber, mas Deus levantava pessoas que traziam dinheiro na rádio para a gente pagar as despesas, Deus sempre honrou esses momentos”.

Luiz Alberto de Melo comanda o Departamento de Jornalismo da Rádio Melodia

 

DIFERENCIAL – Com o passar do tempo e o avanço das novas tecnologias, em 2005 a Rádio Melodia acrescentou à sua programação um projeto de jornalismo, junto ao radialista Luiz Alberto de Melo. Com isso, a rádio, que já oferecia a palavra de Deus para seus ouvintes, passou a levar também informação. “A emissora que só tocar música, ela vai fechar, vai quebrar, por conta da tecnologia, precisamos colocar informações, colocar o povo no ar, isto tem nos ajudado muito, mesmo com a pandemia”, conta Luiz Alberto.

“Hoje somos a única rádio com uma programação de 4 horas diárias de notícias, divididas em três horários, de manhã, na hora do almoço e às 18h00. Isto é um grande diferencial para nós”, ressalta Inácio.

 

FUTURO – De acordo com Luiz Alberto, o objetivo é melhorar sempre, valorizar os ouvintes, oferecer oportunidades de as pessoas ganharem prêmios, e nesta linha, buscar fidelizar cada dia mais o seu público.

O jovem Cainã Inacio Silvério Barbosa, filho de Inácio, representando a nova geração, acredita na criatividade, inovação. “Reinventar é a palavra chave da rádio hoje em dia, hoje temos um raio de 74Km, uma abrangência de aproximadamente 60 cidades que a rádio atinge, mais de meio milhão de possíveis ouvintes, um número muito grande que alcançamos não só pelo rádio mais pelas redes sociais também, as lives que fazemos ao vivo”, completa Cainã.

Hoje a Rádio Melodia conta também está presente no facebook, no instagram, tem um site, aplicativo, o que possibilita atingir um público muito maior, não só na região, mas no mundo.

Com equipamentos de última geração a Rádio Melodia de Ourinhos atualmente está à frente de muitas concorrentes, sendo a primeira emissora de Ourinhos a usar os recursos no computador, quando os discos e cds caíram de moda.

“Enquanto eu tiver vivo eu quero continuar me doando para ajudar, assessorar, não só na parte jurídica, como advogado, mas também na parte técnica que é a parte de manutenção dos equipamentos, como sempre fiz”, afirma Inácio.

 

MÊS DE ANIVERSÁRIO – Para este mês de outubro, serão realizados mais sorteios toda semana com brindes diferentes, brinquedos para as crianças, bonés, camisetas da rádio, calendários. “Acompanhem nossas redes sociais que anunciaremos lá várias novidades para este mês”, diz Cainã.

E é num espírito muito bonito de serviço, de harmonia, que Luiz Alberto de Melo, hoje maior responsável pela fundação, juntamente com Cainã e toda a equipe Melodia, pretendem continuar levando informação, entretenimento e a palavra de fé aos seus ouvintes, seja através das músicas de estilo gospel ou das notícias da cidade, sempre com muito respeito ao público.

“Tem uma frase do Luiz que gosto muito, e diz que “quem não vive pra servir, não serve pra viver”, tenho levado para minha vida e aqui na rádio tenho tentado colocar em prática sempre, temos que estar aqui para servir, essa frase se faz presente 100% na rádio hoje”, diz Cainã.

Inácio agradece a todos os pastores, às igrejas que têm ajudado a manter a programação desde o início, lembrando dos que já passaram, dos ouvintes. “Os ouvintes são tudo na nossa vida, o radialista, o apresentador, locutor, cria uma imagem dentro do lar das pessoas, e isso é sensacional, criam um amor e respeito por nós, por isto temos que agradecer muito nossos ouvintes, e a Deus por este projeto Dele para o município de Ourinhos”, finaliza Inácio.

© 1990 - 2021 Jornal Negocião - Seu melhor conteúdo. Todos os direitos reservados.